keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Agricultura entrega documentação para regularizar mais de 1,8 mil imóveis rurais de Abelardo Luz

Com o Programa Terra Legal, a Secretaria da Agricultura fornece o georreferenciamento necessário para que os produtores conquistem a escritura da terra

X
Divulgação

Produtores rurais de Abelardo Luz receberam a documentação necessária para regularizar suas propriedades. Nesta terça-feira, 7, a Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural entregou as pastas do Programa Terra Legal para 396 agricultores familiares e 1.418 assentados da reforma agrária do município, num investimento de R$ 463 mil.

“Esse é um dia muito importante que atende uma demanda antiga dos agricultores de Abelardo Luz. Um trabalho de muito tempo e que contou com a participação de muitas lideranças para que hoje pudéssemos fazer essa entrega. Com o Programa Terra Legal, o produtor tem a possibilidade de acessar linhas de crédito do Governo Federal e Estadual e emitir nota de produtor rural, ou seja, ter mais cidadania. O Governo do Estado está contribuindo para que mais empreendedores rurais possam se dedicar à agropecuária em Santa Catarina”, declara o secretário da Agricultura Altair Silva.

Com o Programa Terra Legal, a Secretaria da Agricultura fornece o georreferenciamento necessário para que os produtores conquistem a escritura da terra. Sem o registro do imóvel, os produtores vivem em uma situação de insegurança jurídica e não podem, por exemplo, fazer parte das políticas públicas ou incentivos dos governos federal e estadual.

Em 2021, o Governo do Estado pretende investir R$ 7,3 milhões para regularização de imóveis rurais, beneficiando mais de 20 mil famílias catarinenses. As ações atendem os proprietários ou posseiros que têm imóveis não regularizados devido a posses, partilhas não realizadas ou contratos de compra e venda antigos e que, por isso, não possuem registro.

Outras entregas na região Oeste

Nesta segunda-feira, 6, a Secretaria da Agricultura entregou a documentação necessária para legalizar as propriedades rurais de mais de 1,7 mil famílias de Ponte Serrada e Passos Maia.

No município de Ponte Serrada, foram 819 produtores rurais beneficiados com a documentação. Já em Passos Maia, foram 393 agricultores atendidos, além de 498 assentados da reforma agrária e 40 famílias que receberam títulos de domínio do assentamento Zumbi dos Palmares.

Fonte: Clicsc

Geral

Maior investimento em transporte escolar segue com entrega de mais 40 ônibus em Santa Catarina

Mais 40 veículos de transporte escolar foram entregues pelo Governo do Estado aos municípios catarinenses em evento realizado nesta terça-feira, 25, em Palhoça. Esta é a terceira remessa realizada em cerca de um mês, desde […]

Geral

Temporal causa estragos e destrói Parque de Exposições no Oeste catarinense

A passagem de um temporal deixou estragos na cidade de Pinhalzinho na tarde desta terça-feira (25) no Oeste de Santa Catarina. A tempestade derrubou algumas árvores e causou transtornos na cidade. O Parque de Exposições […]

Geral

Nova diretoria da OAB Camboriú é empossada

Cerimônia ocorreu nesta terça-feira, na sede da Subseção. O advogado Maikon Rafael Matoso é novo presidente da OAB Camboriú

Geral

Casal é flagrado fazendo sexo na areia da praia em cidade catarinense

Um casal foi pego em flagrante na noite do último sábado (22) praticando relação sexual na Praia Central de Barra Velha. O flagrante ocorreu por volta das 23h. O casal foi visto na beira mar […]

Geral

“Dormiu o sono eterno”; criança de Santa Catarina que lutava contra AME morre

Jonatas tinha AME de tipo 1, o mais grave dentro do quadro da doença

Mais notícias

Geral

Maior investimento em transporte escolar segue com entrega de mais 40 ônibus em Santa Catarina

Mais 40 veículos de transporte escolar foram entregues pelo Governo do Estado aos municípios catarinenses em evento realizado nesta terça-feira, 25, em Palhoça. Esta é a terceira remessa realizada em cerca de um mês, desde […]

Segurança

Homem morto é levado a posto dos correios para receber pensão

A polícia disse que uma autópsia seria realizada para determinar a causa da morte do homem