keyboard_backspace

Página Inicial

Sem categoria

Após falsa bomba na Havan, Luciano Hang diz sofrer ameaças de morte

Hang afirma que atentado foi político

Nesta sexta-feira (04), uma unidade das lojas Havan na capital Federal, Brasília, foi surpreendida com um artefato que, suspeitou-se, tratava-se de uma bomba, após uma operação para retirar o artefato do local, descobriu-se que não havia explosivos.

Em entrevista à NSC, o empresário Luciano Hang, dono das lojas Havan, afirmou acreditar se tratar de um atentado político, por sua atuação firme a favor do governo eleito de Jair Bolsonaro (PSL). “A Havan se posicionou nessas Eleições, acho que está diretamente relacionado sim. Não teria outro motivo”.

Hang falou, ainda, que vem sofrendo ameaças de morte por conta de sua posição política e que espera que haja oposição a ele, mas no diálogo e não por outros meios.

Mais notícias

coronavirus

Unimed Litoral informa que trabalhando na capacidade máxima por conta da Covid-19

Transferências para outros hospitais estão comprometidas neste momento

Segurança

PM encerra festa clandestina e apreende violão

Conforme a Polícia Militar, esta foi a única ocorrência durante o primeiro dia do final de semana