keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

BC: Plano Municipal de Saneamento é discutido com bairros Vila Real, Municípios e Iate Clube

Quinta-feira ocorre a último encontro com moradores da Barra e São Judas

X
Siga-nos no google-news

O trabalho de revisão do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e elaboração do Plano Municipal de Gestão Integrado de Resíduos Sólidos de Balneário Camboriú, está em sua terceira etapa, que envolve a participação popular, por meio de reuniões setoriais com a comunidade. Nesta terça-feira (05), o encontro foi com os bairros: Vila Real, Municípios, Jardim Iate Clube. Na quinta (07), às 19h, terá a última reunião, com os moradores da Barra e São Judas, no CEM Dona Lili – Rua Fermino Taveira Cruz, nº219, Barra.

Mesmo com a baixa participação popular, estiveram presentes lideranças comunitárias, representantes da sociedade civil, da Emasa, de órgãos públicos municipais, e da empresa executora do PMSB. Entre as demandas, tiveram alguns questionamentos e sugestão para mais conscientização da população sobre a coleta de recicláveis, que será repassado para Ambiental, responsável pelo serviço. Outra questão foi referente alguns pontos de alagamento em dias de maré alta; e a reclamação de odor na Estação Elevatória no Bairro Vila Real. O presidente da Associação de Moradores do Municípios, João Vitor Colsani, agradeceu a instalação da rede coletora no bairro, que era pedido antigo dos moradores e desde o ano passado está em funcionamento.

Essa etapa do plano, tem objetivo de coletar dados e informações para a construção do diagnóstico da situação atual, contemplando seis reuniões por regiões da cidade. Nesta semana, os encontros são com moradores do Centro e Estados, Vila Real, Municípios e Iate Clube; e Barra e São Judas. Durante os encontros, é apresentado sobre a necessidade da revisão do PMSB para os próximos 20 anos, as etapas de elaboração e o cronograma de execução das atividades; além do papel de cada ator nesse processo. Também são expostos dados sobre saneamento; e vídeos com boas práticas da sociedade no dia a dia de uma cidade. Os moradores ainda respondem um formulário com perguntas e campo para livre para explanação sobre o tema.

Para participação popular, também está no ar um canal virtual de comunicação, através do site da Emasa: https://www.emasa.com.br/emasa/programas-e-projetos/plano-municipal-de-saneamento-basico. Além de materiais informativos como folder e cartilha, e o calendário das reuniões. A revisão do PMSB ocorre em cinco etapas: 1. Apresentação do Plano de Trabalho Consolidado (PTC); 2. Mobilização e Participação social; 3. Levantamento de dados e informações; 4. Prognóstico; 5. Minuta do Projeto de Lei do Plano Municipal de Saneamento Básico.

Sobre o PMSB

O atual PMSB de Balneário Camboriú é de 2013, e a nova redação da Política Nacional de Saneamento Básico indica que a revisão deve ser feita no prazo de 10 anos. O documento, que é o principal instrumento da Política Municipal de Saneamento, será revisado nos quatro eixos componentes do saneamento básico: sistema de abastecimento de água; sistema de esgotamento sanitário; drenagem e manejo das águas pluviais; e manejos de resíduos sólidos.

O PMSB deve estar amparado pela Lei Federal 11.445/2007 – alterada pela 14.026/2020 (Política Nacional de Saneamento); e Lei Federal 12.305/2010 (Política Nacional de Resíduos Sólidos), bem como a Lei Ordinária Municipal nº 3.603/2013, na qual dispõe sobre a Política Municipal de Saneamento Básico de Balneário Camboriú. Também precisa estar em consonância com o Plano Diretor, com os objetivos e as diretrizes do Plano Plurianual (PPA), com o Plano de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio Camboriú, com demais legislações ambientais, de saúde, de educação, bem como devem ser compatíveis e integrados com todas as demais políticas públicas, planos e disciplinamentos do Município relacionados ao gerenciamento do espaço urbano.

Fonte: Clicsc

Cidades

Falta de energia causa desabastecimento de água em SC

O abastecimento deve voltar ao normal somente após o reestabelecimento da energia elétrica, feito pela CELESC

Cidades

Itajaí inicia obras de R$17 milhões que deve melhorar 40 ruas da cidade

A grande operação vai contemplar com melhorias ruas de diversos bairros da cidade

Cidades

Mutirão de castrações deve atender 400 animais em Itajaí

Na quinta (04) e sexta-feira (05), as castrações serão realizadas no pátio da Igreja Santa Clara, no bairro São Vicente

Cidades

Audiência Pública apresenta Diagnóstico Socioambiental do Município de Porto Belo

Diagnóstico Socioambiental do Município de Porto Belo, tratando do parcelamento do solo urbano, para dispor sobre as áreas de preservação permanente no entorno de cursos d’água

Cidades

Prefeito de BC apresenta realidade do Hospital Ruth Cardoso ao governador Carlos Moisés

Ruth Cardoso foi concebido para ser um hospital municipal e desde sua abertura atende a região, que é uma das que mais crescem demograficamente no Estado

Mais notícias

Animal

Homem ganha R$3 mil de recompensa após achar “Elvis”, papagaio desaparecido em Florianópolis

O vizinho afirmou que o pássaro estava no terreno da casa dele desde a noite de sexta (12)

Geral

Fundador da Vinícola Girola morre aos 93 anos em SC

Ele deixa esposa, 10 filhos, 14 netos, 2 bisnetos, familiares e amigos enlutados