keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Candidata a vereadora de SC leva pedradas ao visitar bairro para pedir votos

Ela e o marido foram agredidos ao chegar no local durante campanha

X

Debora Miranda (MDB), candidata a vereadora de Caxambu do Sul, município localizado no Oeste de Santa Catarina, e seu marido foram agredidos nesta sexta-feira (13). Eles foram recebidos a pedradas enquanto faziam campanha no bairro Antena.

Segundo os relatos de Débora Miranda à polícia, ela e o marido se dirigiam até uma casa quando um grupo de pessoas desceu de um carro, de cor vermelha, proferindo ameaças e atirando pedras contra as vítimas.

Ela conta ainda que chegou a ser agredida fisicamente por uma mulher, que teria agarrado a candidata pelos cabelos e a derrubado no chão, seguindo as agressões com socos, chutes e tapas.

A briga foi interrompida por pessoas que estavam no local. Na sequência, ela ligou para o 190 de Chapecó, e foi orientada a permanecer no local ou se dirigir até a base da polícia. A candidata e o marido optaram por se deslocar até a delegacia, e lá fizeram o registro de agressão, com um Boletim de Ocorrência e um Termo Circunstanciado. Débora Miranda relatou à polícia que desconhece a motivação dos ataques, pois sequer havia conversado anteriormente com a agressora.

Geral

Filhote de cachorro nasce com 6 patas nos Estados Unidos

Os estudos apontam que provavelmente o cachorro tem a deficiência pois era uma parte de um gêmeo no útero "mas quando o óvulo fertilizado tentou se partir, não se separou totalmente".

Geral

Chuva registrada no estado bate recorde e ajuda a normalizar nível de mananciais

Com chuvas acima da média, o nível da Lagoa do Peri voltou a normalidade

Geral

Irmãs são internadas com “doença da urina preta” após comerem peixe

Flávia e Pryscila Andrade foram diagnosticadas com Síndrome de Haff após ingerir arabaiana

Geral

Lagarto estressado: Animal dá “corridão” em biólogo de SC e vídeo viraliza

Biólogo estava “conversando” com animal quando lagarto correu atrás dele

Geral

Família do Mato Grosso do Sul pede ajuda para homem que ficou tetraplégico ao cair de costão em Bombinhas

Eles precisam arrecadar R$20 mil para conseguir levar Wellington de ambulância para Campo Grande (MS), onde tem casa própria e familiares por perto

Mais notícias

Brasil

Auxílio emergencial e criptomoedas deverão ser declarados no Imposto de Renda

Saques emergenciais do FGTS também precisarão ser informados

coronavirus

Começa distribuição de 3,2 milhões de doses da vacina contra covid-19

Chegada de mais imunizantes permitirá ampliar grupos prioritários