keyboard_backspace

Página Inicial

economia

Carrefour compra o Grupo BIG

O grupo BIG detém o ativo imobiliário de 181 lojas (47% do total) e 38 propriedades adicionais, totalizando aproximadamente R$ 7 bilhões de valor imobiliário, de acordo com uma análise independente

X
Divulgação

O grupo BIG Brasil, que possui 387 lojas, 41 mil funcionários e está presente em 19 estados brasileiros, foi comprado pelo grupo Carrefour Brasil. A aquisição expandirá a presenta do Carrefour em regiões onde ainda tinha penetração limitada, como no Sul do país.

O grupo BIG detém o ativo imobiliário de 181 lojas (47% do total) e 38 propriedades adicionais, totalizando aproximadamente R$ 7 bilhões de valor imobiliário, de acordo com uma análise independente.  O Carrefour Brasil, atualmente, atende mais de 45 milhões de clientes, e ampliará a sua base de clientes com a adição de mais de 15 milhões de clientes do grupo BIG.

O Carrefour vai converter as unidades Maxxi para a bandeira Atacadão. A companhia também espera converter parte das lojas BIG e BIG Bompreço para as bandeiras Atacadão ou Sam’s Club. As demais lojas serão convertidas para a bandeira de hipermercado Carrefour. O Carrefour Brasil identificou potencial de sinergia significativo desde o primeiro ano, aumentando gradualmente para representar uma contribuição adicional líquida ao EBITDA de R$ 1,7 bilhão anualmente, três anos após a conclusão da operação.

A transação permanece sujeita à aprovação pelo órgão regulador (Conselho Administrativo de Defesa Econômica – CADE), à aprovação dos acionistas do grupo Carrefour Brasil, bem como a outras condições habituais de fechamento. A conclusão da transação está prevista para 2022.

O Carrefour Brasil opera 489 lojas, incluindo 100 hipermercados com a bandeira Carrefour, 53 supermercados com as bandeiras Carrefour Bairro e Market, 130 lojas de proximidade com a bandeira Carrefour Express, 206 lojas Cash & Carry com a bandeira Atacadão e 125 farmácias e 77 postos de gasolina. Em 2020 gerou vendas brutas de R$ 74,7 bilhões e EBITDA ajustado de R$ 5,6 bilhões.

Fonte: NSC Total

economia

Indústria catarinense registra maior alta do país em fevereiro, aponta IBGE

No acumulado de janeiro e fevereiro de 2021, o Estado catarinense liderou o ranking das Unidades da Federação, com uma alta de 9,5%. A variação nacional foi de 1,9%, abaixo da verificada no primeiro mês deste ano de 2,6%.

economia

Novo ranking da Forbes aponta Luciano Hang como mais rico de SC

De acordo com a cotação do dólar nesta quinta-feira (8), o valor da fortuna atual convertido para o real seria de R$ 15,12 bilhões.

economia

Mercado brasileiro de peças de barco registra alta na pandemia

Varejo de peças náuticas no Brasil tem alta na pandemia, tanto por meio de vendas on-line quanto nas lojas físicas. Distribuidora de insumos nacional, Catarina Náutica, registrou aumento de quase 20% em vendas.

economia

Dólar fecha em R$ 5,60 e atinge menor valor em duas semanas

Diversos fatores contribuíram para a queda da moeda norte-americana. O início da safra de grãos, que impulsiona as exportações.

economia

Alta no gás natural anunciada pela Petrobras põe indústria de SC em alerta

Em Santa Catarina, estima-se que o reajuste para a indústria seja da ordem de 30% porque o preço final do gás ao consumidor não é determinado apenas pelo preço de venda da petroleira

Mais notícias

Utilidade Pública

Procon de São José atende com agendamento prévio

A medida é necessária para evitar aglomeração de pessoas, sendo que o atendimento deve ser marcado pelo Whatsapp (48) 98477-7790

Segurança

Diarista encontrada morta no rio Itajaí-Açu teria pegado carona com conhecido

Prisão do assassino pode ocorrer nos próximos dias, segundo a Polícia Civil