keyboard_backspace

Página Inicial

economia

Cesta básica está mais barata em Itajaí

Valores podem chegar até 3,13% mais baixos

X
Divulgação

A cesta básica em Itajaí está mais barata no mês de fevereiro. A queda na média entre os preços mais caros e mais baratos em 2,73%. Comparado ao último mês, os itens de menor preço estão 3,13% mais baixos e os itens de maior valor sofreram queda de 2,33%. Os números registrados pela fiscalização da Procuradoria do Consumidor (Procon) de Itajaí são de 36 itens básicos do consumo dos brasileiros. Os fiscais estiveram em oito estabelecimentos nos dias 01 e 02 de fevereiro.

Em fevereiro, mesmo com a queda, 7 itens apresentaram uma variação superior a 100%. O maior deles é o sabonete 90g que pode ir de R$0,75 à R$2,59. Comparado ao mês janeiro, os produtos que sofreram maior redução foram o desinfetante, a banana, a margarina, o sabão em barra e a batata lavada. Já os produtos que tiveram aumento nos preços foram o feijão, a cebola, a farinha de arroz, a água sanitária e os ovos.

A cesta básica composta pelos produtos com menores preços nos mercados ficou em R$ 191,78, enquanto a cesta fechada com os produtos mais caros saiu por R$ 317,31. A variação entre as somas dos mais caros e mais baratos chegou a mais de 65,46%. Por isso, o Procon de Itajaí orienta os cidadãos a pesquisarem os preços, pois com os aumentos registrados, a cesta básica interfere cada vez mais no orçamento familiar.

Além dos preços, o Procon orienta aos consumidores para observarem o prazo de validade dos produtos para não comprar além do que pode ser consumido antes do período de vencimento.

O Procon de Itajaí fica situado na Avenida Joca Brandão, 655, Centro – Itajaí-SC. Em caso de dúvidas ou denúncias, utilize o telefone 151, (47) 3349-6147 ou por meio do e-mail procon@itajai.sc.gov.br.

Fonte: Clicsc

economia

Fort Atacadista oferece 170 vagas de emprego em Indaial

As oportunidades disponíveis são para pelo menos 12 diferentes cargos

economia

Indústria catarinense cresce 36,5% em março, maior alta do país

Os setores da indústria que mais se destacaram no Estado foram na fabricação: máquinas e equipamentos (127,8%); metalurgia (67,3%)

economia

Faturamento de atacadistas e distribuidores cresce 5,2% em 2020

Aumento real dá ao setor participação de 51% no mercado, diz pesquisa

economia

Banco Central abre consultas para saques e trocos via Pix

Cliente poderá fazer até quatro retiradas sem tarifas por mês

economia

Comércio catarinense cresce 25,8%, mais do que o dobro da média brasileira

Entre os 15 maiores estados do País, Santa Catarina avançou um posto e apresenta agora o quarto maior crescimento do país.

Mais notícias

Segurança

Polícia investiga assassinatos causados por possível Serial Killer em Cutiriba

Por conta das semelhanças entres os assassinatos, a Polícia Civil trabalha com a hipótese de crime de ódio cometido pela mesma pessoa

Geral

Homem é preso depois de atirar de janela de hotel para a rua em Balneário Camboriú

A arma era um revólver Cal. 32 contendo quatro munições intactas e duas deflagradas