keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Corpo encontrado queimado em Florianópolis é de ex-agente penitenciário

Suspeita é de que André foi morto em outro local e o corpo foi deixado às margens de uma trilha

X

O resultado da perícia no IML (Instituto-Médico Legal) confirmou a identidade da que o corpo encontrado carbonizado em Florianópolis, no dia 24 de junho, trata-se do ex-agente penitenciário temporário, André Ricardo Bohn, de 49 anos. O laudo foi divulgado na tarde de quinta-feira (2), informou a Polícia Civil.

A vítima foi encontrada no bairro Monte Verde. Segundo a investigação, coordenada pelo delegado Enio de Oliveira Matos, a suspeita é de que André foi morto em outro local e o corpo foi deixado às margens de uma trilha. Peritos indicaram que o corpo teria sido jogado no matagal para depois ser queimado.

Ainda não há suspeitos do crime. “Agora que vai começar a investigação. A gente já estava no caso, mas de maneira mais geral. Agora com essa informação vamos investigar mais”, disse o delegado.

Por enquanto, Enio não vê relação com o antigo trabalho da vítima e o crime. “Faz muitos anos que ele trabalhou como agente, não tem essa relação”, conta.

Segurança

Homem que baleou policiais no Paraná é preso em Itapema

O homem estava com a prisão decretada por ter baleado dois policiais militares após um roubo ocorrido em agosto de 2020

Segurança

Criança é estuprada pelo primo de 42 anos em Tijucas

O estuprador era responsável por levar e buscar a vítima no colégio

Segurança

Mais de 50kg de maconha são apreendidos em Joinville

Na manhã desta sexta feira, 22, por volta das 10h30, uma guarnição do 8° Batalhão de Polícia Militar (BPM) recebeu uma denúncia de que um terreno abandonado, na zona leste de Joinville, estaria sendo utilizado […]

Segurança

Polícia localiza corpo de homem desaparecido e realiza prisões em Laguna

Familiares da vítima haviam registrado um Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia da Comarca de Imbituba, em que noticiaram o desaparecimento

Segurança

Homem é morto com tiro na cabeça em Chapecó

Segundo informações, o assassinato teria ocorrido por conta de uma briga entre facções rivais do tráfico de drogas

Mais notícias