keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Criminosos se disfarçavam de policiais para roubar casas de luxo

Operação mira quadrilha nesta quarta-feira (15)

X
Imagem Ilustrativa

Uma operação em Joinville e Mafra nesta quarta-feira (15) mobiliza cerca de 40 policiais civis. A operação foi batizada de Caça-Fantasma, em alusão ao apelido do líder de um grupo que se passava pela polícia para roubar casas de alto padrão. Pelo menos seis residências de alto padrão foram alvo do grupo.

As investigações começaram em janeiro, quando os criminosos usaram a identidade visual da Polícia Civil dizendo que iriam cumprir um mandado a fim de, na verdade, acessar um apartamento de luxo em Joinville.

Fantasma, como é conhecido o líder do grupo, já havia sido preso por outros crimes, mas deixou o presídio em abril e se mudou para Mafra. Antes disso, ele dava ordens sobre os crimes a serem cometidos de dentro do presídio de Joinville.

Ele e a esposa estão entre os presos na operação que cumpriu 20 mandados de busca e apreensão e oito mandados de prisão temporária em Mafra e Joinville. Além disso, uma pessoa foi presa em flagrante por tráfico de drogas durante a ação.

Segundo a Polícia Civil, também foram encontrados adesivos que possivelmente seriam usados para falsificar uma nova viatura, desta vez com a identidade visual da Polícia Federal. Foram apreendidos também oito quilos de cocaína e cinco quilos de crack.

Fonte: Clicsc

Segurança

Homem descumpre medida protetiva contra ex-mulher e acaba preso em Gaspar

Ela possuía medida protetiva de afastamento e proibição de manter contato desde o ano passado

Segurança

Polícia apreende 400 mil maços de cigarros contrabandeados em Chapecó

O veículo, a mercadoria e o condutor foram entregues na Polícia Federal

Segurança

Menino de 13 anos morre após ser brutalmente espancado na saída de escola

Garoto tinha problemas de saúde, sofria convulsões e teria passado mal após a briga

Segurança

Começa nova etapa da remoção de veículos apreendidos em São José

Os trabalhos são realizados na Central de Plantão Policial (CPP/PCSC) de São José

Segurança

Justiça condena motorista de aplicativo que violentou estudante em Florianópolis

No trajeto motorista se aproveitou do da vítima que estava embriagada para tocar suas partes íntimas

Mais notícias

Geral

Âncora da CNN comete gafe e fala palavrão ao vivo; Veja o vídeo

Internautas não perdoaram e vídeo viralizou na web

Segurança

Homem descumpre medida protetiva contra ex-mulher e acaba preso em Gaspar

Ela possuía medida protetiva de afastamento e proibição de manter contato desde o ano passado