keyboard_backspace

Página Inicial

animal

Cuidado: Em 12 dias quatro serpentes mais venenosas do Brasil foram capturadas em SC

Bombeiros de três cidades da região capturaram quatro corais-verdadeiras

X

O número de registros envolvendo cobras-corais em Santa Catarina tem chamado a atenção nos últimos dias. Só no Vale do Itajaí, entre 21 de outubro e 1º de novembro, os bombeiros de três cidades da região capturaram quatro corais-verdadeiras, as Micrurus corallinus. Segundo os biólogos, trata-se da espécie mais venenosa no Brasil.

Uma dessas serpentes apareceu no quintal de uma casa em Ibirama. Foi a gatinha de estimação da família que alertou para a presença do animal. De acordo com os socorristas, a cobra media quase um metro de comprimento.

Na semana passada outra coral verdadeira surgiu na garagem de um imóvel na cidade de Vitor Meireles. A serpente tinha cerca de 45 centímetros e assustou os moradores, que chamaram os bombeiros para fazer a captura e levar o animal ao local adequado.

No começo deste mês, outra cobra-coral estava na calçada de uma casa no Centro de Ibirama. A foto mostra o tamanho do bichinho. Em Timbó, no bairro Estados, nova ocorrência do gênero. Em nenhum dos casos houve feridos.

Apesar de ser peçonhenta, menos de 1% dos acidentes domésticos acontecem com cobras dessa espécie. O motivo é que elas não dão o bote. “Os acidentes geralmente ocorrem quando as pessoas tentam manusear ou pegam/pisam nesse animal sem ver”,  explica o biólogo Christian Raboch, especialista em serpentes.

Mas por que tantas?

De acordo com Raboch, em entrevista ao AN, as cobras são répteis que têm sangue frio. E a temperatura do corpo do animal pode variar conforme o clima. No inverno, elas ficam entocadas esperando o tempo esquentar, mas agora o cenário é outro.

“A temperatura está mais quente e, consequentemente, esquenta o metabolismo dos animais. Aí elas começam a sair para procurar parceiros e se reproduzir e animais para comer. Por isso, aparecem na casa das pessoas’, diz.

animal

Família encontra cobra mortífera em árvore de Natal

Os donos da casa rapidamente contataram o tratador de cobras Jarrad Waye depois de avistar o hóspede indesejado. Depois de muito esforço, ele conseguiu capturar a serpente

animal

Vídeo falso de cobra gigante deixa moradores de Gaspar em pânico

Um Boletim de Ocorrência foi registrado logo após o ocorrido.

animal

Peixe assustador aparece em praia e intriga banhistas

O peixe-futebol é comum nos mares, mas raramente é visto nas praias por ser um animal que habita as profundezas do oceano

animal

Homem dorme no sofá e acorda com cobra rastejando em seu corpo

A sorte é que se tratava de uma cobra coral falsa

animal

Mulher é internada em estado grave após ser picada por jararaca em SC

Bombeiros prestaram os primeiros socorros a uma mulher de 59 anos

Mais notícias

Geral

Unimed Litoral é homenageada com o Prêmio Cambori

A Unimed Litoral recebeu na última sexta-feira, 26, o Prêmio Cambori, em evento promovido pela Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú (Acibalc), para destacar a trajetória e reconhecer publicamente empreendedores e empresas que fazem […]