keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Defesa pede troca de local do júri da assassina da grávida de Canelinha

Defesa da acusada recorreu ao TJSC para requerer o desaforamento para a comarca da Capital

X

Com medo da repercussão no dia do julgamento, a defesa de Rozalba Maria Grime, acusada de matar uma jovem grávida e roubar o bebê por meio de um parto forçado em Canelinha, pediu o desaforamento de sessão do Tribunal do Júri, o que significa a troca de local do julgamento marcado para novembro de 2021 em Tijucas.

A 3ª Câmara Criminal do TJSC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina), em matéria sob a relatoria do desembargador Leopoldo Augusto Brüggemann, negou nesta terça-feira (19) o pedido da defesa de Rozalba. Além da acusação de matar uma grávida para ficar com o bebê, Rozalba será julgada por homicídio, tentativa de homicídio contra um bebê, parto suposto, ocultação de cadáver, fraude processual e subtração de incapaz.

Relembre o caso

Segundo a denúncia do Ministério Público, em agosto de 2020 a acusada, que simulava uma gravidez, convidou a amiga gestante para um chá de bebê. Com isso, a mulher levou a gestante até uma cerâmica abandonada para cometer os crimes. Após sofrer um golpe de tijolo, a vítima desmaiou e a acusada fez o parto improvisado. Quando chegou ao hospital com a criança, a farsa foi descoberta.

Como o crime foi cometido em cidade de 13 mil habitantes, com grande repercussão, a defesa da acusada recorreu ao TJSC para requerer o desaforamento para a comarca da Capital. Argumentou a existência de dúvidas acerca da imparcialidade do corpo de jurados e o risco à segurança da acusada, assim como à ordem pública, pela ausência de policiamento devido à situação de pandemia.

“Nada há de concreto que indique que os jurados agiriam com iniquidade, suficiente a legitimar o deslocamento da competência do Tribunal do Júri. Por outro ângulo, também não há qualquer indicativo de que a comarca, ainda que pequena, não possua a estrutura necessária para realização do ato – que será praticamente exclusivo às partes (permitida a entrada de apenas dois familiares da vítima e da acusada) -, de forma a colocar em risco a segurança pessoal da requerente”, anotou o relator em seu voto. A decisão foi unânime.

Segurança

Indígena é enterrado vivo e escapa de cova rasa: ‘Falaram que eu tinha morrido’

Vítima contou que conseguiu sair da cova por conta própria, mesmo ferido por facadas

Segurança

Ação conjunta PRF e PM apreende quase R$ 1 milhão em maconha em Garuva

As duas forças de segurança localizaram e abordaram o veículo suspeito

Segurança

Ação conjunta PRF e PM apreende quase R$1 milhão em maconha em SC

As duas forças de segurança localizaram e abordaram o veículo suspeito, um Ford/Fiesta placas de Florianópolis em um hotel de Garuva

Segurança

Polícia Civil concluí investigação sobre fraudes em licitação de SC

A Polícia Civil, através da 5ª Delegacia de Polícia Especializada no Combate à Corrupção (DECOR/PCSC), concluiu uma investigação sobre fraudes em procedimentos licitatórios ocorridos em municípios do Oeste de Santa Catarina. Em abril, foi deflagrada […]

Segurança

Polícia Federal desarticula organização criminosa comandada por irmãos gêmeos que traficou 5 toneladas de cocaína em um ano

A PF apurou que a organização criminosa é comandada por núcleo familiar estabelecido nas cidades de Deodápolis (MS) e Viamão (RS)

Mais notícias

Geral

Agricultura entrega documentação para regularizar mais de 1,8 mil imóveis rurais de Abelardo Luz

Com o Programa Terra Legal, a Secretaria da Agricultura fornece o georreferenciamento necessário para que os produtores conquistem a escritura da terra