keyboard_backspace

Página Inicial

Coluna Pelo Estado

Deputados aprovam incentivo ao terceiro setor e ao cicloturismo

Leia os bastidores da política de Santa Catarina na Coluna "Pelo Estado" desta sexta-feira (13)

X
Divulgação

Os deputados da Alesc aprovaram, na sessão desta quarta-feira, 11, a criação de duas políticas estaduais, voltadas ao terceiro setor e ao cicloturismo. Os dois projetos de lei (PLs) passarão pela votação da Redação Final antes de seguirem para análise do governador. O PL 40/2022, de autoria do Poder Executivo, institui a Política Estadual de Incentivo ao Terceiro Setor. O objetivo é criar uma política de Estado permanente que possibilite a sistematização e a avaliação das parcerias já existentes entre o governo estadual e organizações da sociedade civil (entidades privadas sem fins lucrativos, cooperativas sociais e organizações religiosas que se dediquem a atividades de cunho social). Além de fazer a integração entre governo e sociedade civil, a política tem por objetivos capacitar as entidades para atividades de inovação e captação de recursos, integrar as bases de dados sobre o terceiro setor, promover a articulação entre governo e iniciativa privada para incentivar a captação de recursos para projetos do terceiro setor, entre outros. O PL prevê, ainda, a criação de um selo social, que será concedido às instituições e entidades, públicas ou privadas, que destinarem recursos para os projetos habilitados pelo Estado. “Mais do que um projeto, é um gesto do governo para fortalecer e fomentar ainda mais esse setor, que está na alma do catarinense”, disse o líder do Governo na Assembleia, deputado José Milton Scheffer (PP). “Mostra também o reconhecimento do poder público com esse setor que se mostra forte, pujante e parceiro da sociedade, em horas boas e difíceis.”
Sobre o cicloturismo, foi aprovado o PL 122/2021, de autoria do deputado Volnei Weber (MDB), que institui a Política de Incentivo ao Cicloturismo no Estado de Santa Catarina. Os objetivos são incentivar o uso da bicicleta e o turismo ecológico, a melhoria da saúde e do bem-estar por meio da promoção do lazer e da atividade física, a valorização da cultura e dos atrativos turísticos catarinenses, além de movimentar a economia dos municípios.

Chapecó – USAR FOTO

Na solenidade de posse dos novos dirigentes e de comemoração aos 75 anos da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), o Governo do Estado anunciou mais dois importantes recursos para o município. Os investimentos chegam a R$ 26 milhões para a construção de um pavilhão com uma arena multiuso no Parque de Exposições Tancredo de Almeida Neves e para a implantação do Elevado da Bandeira (foto). Impossibilitado de comparecer ao evento – o Aeroporto Serafim Bertasso fechou em função do mau tempo -, o governador Carlos Moisés parabenizou a Associação por meio de um vídeo: “Parabenizo a ACIC, que presta grandes e relevantes serviços ao empresariado local e também em parcerias com o Estado”.

Capitais

A Alesc aprovou dois PLs de reconhecimento a municípios de SC. O PL 42/2022 dá a Sangão, no Sul do estado, o título de Capital Catarinense da Telha e do Tijolo. O município de quase 13 mil habitantes tem como principal atividade a cerâmica, com produção anual de 100 milhões de telhas e tijolos. Já o PL 45/2022, da deputada Marlene Fengler (PSD), reconhece Itapiranga como a Capital do Cooperativismo de Crédito Rural. O município sediou da primeira cooperativa do gênero, criada em 1932.

Gás de cozinha

O Instituto de Meterologia de SC realizou a Operação Gás de Cozinha na Medida Certa nos municípios de São Francisco do Sul, Joinville e Jaraguá do Sul. Foram abordados os comércios de gás mais representativos de cada cidade. A operação terminou com 18 lotes avaliados (botijões de 5, 8, 13, 20 e 45 quilos), quatro deles foram reprovados. Ao todo, foram 270 amostras pesadas em sete diferentes estabelecimentos das três cidades da região Norte. A inspeção do Imetro também identificou uma unidade de 13 quilos sem indicação da tara do frasco, sendo reprovada no exame formal.

BR-470

A notícia de que uma equipe do DNIT vem de Brasília para vistoriar a BR-470, levou o deputado Ricardo Alba (União) a sugerir diversos pontos a serem visitados. “Espero que eles andem pelo menos até a serra da Santa para verem a situação que está”, disse. O parlamentar indicou as pontes sobre o Rio Itajaí, principalmente a de Ibirama e de Apiúna, e sobre o rio das Pombas, em Pouso Redondo, que atualmente está interditada, como pontos que requerem vistoria pormenorizada.

Recursos aos municípios

O Diário Oficial do Estado (DOE) publicou na edição desta quinta-feira, 12, portaria liberando pouco mais de R$ 167 milhões para execução de projetos em 251 municípios de todas as regiões de Santa Catarina. O valor é a primeira parcela do total de R$ 307 milhões que serão repassados através de transferências voluntárias do Tesouro do Estado para as prefeituras dentro do projeto municipalista da administração Carlos Moisés.

Fonte: Clicsc

Coluna Pelo Estado

Mais R$ 50 milhões para assistência social em SC

Fique por dentro dos bastidores da político de Santa Catarina pela Coluna "Pelo Estado" desde sábado

Coluna Pelo Estado

BRDE busca ampliação de recursos de fomento para o Turismo

Leia os bastidores da política de Santa Catarina na coluna Pelo estado desta sexta-feira (20)

Coluna Pelo Estado

SC Expo Defense aproxima indústria e Forças Armadas

Leia os bastidores da política de Santa Catarina na coluna Pelo Estado desta quinta-feira (19)

Coluna Pelo Estado

SC Day apresenta a força do estado em Brasília

Leia os bastidores da política de Santa Catarina na coluna Pelo Estado desta quarta-feira (18)

Coluna Pelo Estado

Prazo para renegociação de dívidas com o Badesc pode ser ampliado

Saiba dos bastidores da política de Santa Catarina na Coluna Pelo Estado desta terça-feira (17)

Mais notícias

Segurança

Traficante é preso com 100 pés de supermaconha em Florianópolis

O local onde a droga foi encontrada foi em uma casa no bairro Rio Vermelho