keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

“Dia muito triste”, Chefe da Aquicultura e Pesca se manifesta depois de atentado em SC

O rancho foi incendiado na madrugada entre quinta (29) e sexta-feira (30). Vìdeos divulgados nas redes sociais mostram que o barracão ficou completamente destruído

X
Foto: Reprodução vídeo

O Superintendente da Secretaria da Pesca de Santa Catarina, José Henrique Pereira, usou as redes sociais para manifestar solidariedade para com os familiares que cuidam do tradicional Rancho do Aparício, local de pescadores que fica localizado na Praia do Campeche, em Florianópolis.

O rancho foi incendiado na madrugada entre quinta (29) e sexta-feira (30). Vìdeos divulgados nas redes sociais mostram que o barracão ficou completamente destruído. Em seu Instagram, José Henrique Pereira escreveu: “Dia triste, esse atentado não foi somente contra a Família Aparício da Praia do Campeche em Florianópolis, foi contra nós, contra o patrimônio cultural da pesca Catarinense! Não ficará impune, vamos identificar e punir os responsáveis! Questão de honra! Fica aqui meu repúdio é minha solidariedade a família Aparício!”

Fonte: Clicsc

Segurança

Mãe espanca filha de 7 anos e deixa criança sem comida por dias; caso é investigado

Como forma de castigo menina era deixada de joelhos na cozinha durante toda a madrugada sem poder dormir

Segurança

Polícia Civil autua em flagrante autor das mortes em Saudades

Preso foi autuado em flagrante por cinco homicídios triplamente qualificados

Segurança

Polícia apreende 167 quilos de maconha em Pinhalzinho

O motorista, de 31 anos, disse que levaria a maconha até o Rio Grande do Sul

Mais notícias

Política

Paulinho é recebido pelo líder do governo Bolsonaro na Câmara e apresenta novos projetos de mobilidade e turismo para Bombinhas

Uma das regiões beneficiadas é a do Mariscal, uma das praias mais procuradas pelos banhistas que todos os anos visitam a cidade

Segurança

Mãe espanca filha de 7 anos e deixa criança sem comida por dias; caso é investigado

Como forma de castigo menina era deixada de joelhos na cozinha durante toda a madrugada sem poder dormir