keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Discussão no trabalho por causa do horário de intervalo termina em morte

A vítima não possuía passagens policiais e foi identificada como Marcelo Camilo, de 26 anos

X
Reprodução

Uma briga durante um expediente de trabalho resultou em morte nesta segunda-feira (06) na cidade de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul. O confronto teria acontecido por conta do horário estipulado para o intervalo do café da manhã.

A vítima não possuía passagens policiais e foi identificada como Marcelo Camilo, de 26 anos. Marcelo foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos no coração causados por perfurações.

Segundo informações de testemunhas, um homem de 54 anos atuava que atuava como supervisor na empresa há duas décadas é o suspeito de ter praticado o crime. Ele não tinha antecedentes criminais e conseguiu fugir a pé do local do crime. O caso ocorreu dentro de uma empresa de revestimentos industriais.

A empresa, porém, negou que um supervisor teria cometido pelo supervisor e que os envolvidos não tinham qualquer nível hierárquico.

A empresa destacou que trabalha com horários para a realização de refeições e intervalos, “como qualquer outra”, mas frisou que não há qualquer tipo de restrição aos funcionários.

Ainda conforme a assessoria, a companhia está prestando todo o apoio aos familiares da vítima e espera que a Justiça tome as devidas providências. A companhia decretou luto oficial e suspendeu as atividades nesta terça-feira, dia 7.

Fonte: Zero Hora

Fonte: Clicsc

Segurança

Homem descumpre medida protetiva contra ex-mulher e acaba preso em Gaspar

Ela possuía medida protetiva de afastamento e proibição de manter contato desde o ano passado

Segurança

Polícia apreende 400 mil maços de cigarros contrabandeados em Chapecó

O veículo, a mercadoria e o condutor foram entregues na Polícia Federal

Segurança

Menino de 13 anos morre após ser brutalmente espancado na saída de escola

Garoto tinha problemas de saúde, sofria convulsões e teria passado mal após a briga

Segurança

Começa nova etapa da remoção de veículos apreendidos em São José

Os trabalhos são realizados na Central de Plantão Policial (CPP/PCSC) de São José

Segurança

Justiça condena motorista de aplicativo que violentou estudante em Florianópolis

No trajeto motorista se aproveitou do da vítima que estava embriagada para tocar suas partes íntimas

Mais notícias

Geral

Âncora da CNN comete gafe e fala palavrão ao vivo; Veja o vídeo

Internautas não perdoaram e vídeo viralizou na web

Segurança

Homem descumpre medida protetiva contra ex-mulher e acaba preso em Gaspar

Ela possuía medida protetiva de afastamento e proibição de manter contato desde o ano passado