keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Estado pode contar com cadastro único para reduzir transferência de moradores de rua entre as cidades

Segunda reunião pública sobre o tema, a partir de reclamações dos moradores de Campinas e Kobrasol foi realizada nesta terça

X

Um cadastro único estadual de pessoas em situação de rua pode ser a alternativa para acabar com a troca de acusações entre prefeituras sobre as operações clandestinas de transbordo de pessoas, que só servem para levar o problema de um município para outro. A proposta surgiu a partir da mobilização dos moradores de Campinas e Kobrasol, em São José, que pediram solução para a questão. O vice-prefeito e responsável pela Força-tarefa criada no município para tratar do tema, Michel Schlemper (MDB), disse nesta terça-feira (25), durante Reunião Pública promovida na Câmara de Vereadores, que um projeto de lei será apresentado na Assembleia Legislativa para a implantação do cadastro único com troca de informações entre as prefeituras e que o assunto já está sendo discutido com o governo do Estado.

Foi a segunda reunião publica convocada pela presidente da Câmara, vereadora Méri Hang (PSD), para tratar da questão das pessoas em situação de rua na cidade. Segundo ela, todos os temas que são de interesse da sociedade precisam ser tratados na Câmara e é assim que deve ser enquanto ela for presidente. Ela considerou positivo o debate da questão em plenário e avaliou que houve avanço no debate, atendimento das pessoas em situação de rua e retorno aos moradores que vinham reclamando do crescimento dessa população nos bairros de Campinas e Kobrasol. “A Câmara tem que estar inserida neste contexto e nós vamos trazer para o debate da casa as necessidades da nossa população”, destacou.

O vice-prefeito apresentou um balanço das ações do município e disse que sem um trabalho contínuo nesta questão da pessoa em situação de rua e com o envolvimento inclusive das cidades vizinhas ficará muito difícil dar à sociedade a resposta que ela deseja. “Não podemos deixar de atuar na limpeza de forma constante, nas abordagens e na segurança”, argumentou. Schlemper garantiu que os secretários estão se reunindo semanalmente, avaliando os rumos das operações e traçando novos objetivos. “A soma de esforços é importante para combatermos o problema de frente”, acrescentou.

O secretário de Assistência Social, Lédio Coelho, trouxe para a reunião os primeiros números do trabalho realizado nas últimas semanas. Foram entregues pelo município, por exemplo, 70 passagens para que pessoas pudessem voltar às suas cidades de origem. Um total de 28 pessoas foram envidas para comunidades terapêuticas. Desde o começo do mês foram realizados mais de 6 mil serviços diferentes no Centro Pop. 337 pessoas passaram pelo local. No último final de semana as equipes realizaram 38 abordagens sociais. Pelo menos 11 aconteceram apenas na noite desta última segunda-feira, quando muitas pessoas em situação de rua aceitaram a acolhida no Centro Pop, numa das noites mais frias do ano. “Estamos trabalhando para criar vínculos com essas pessoas. Criando esses vínculos vamos avançar nos encaminhamentos”, destacou.

Fonte: Clicsc

Cidades

Programa Dengue realiza ações de combate e conscientização em todo munícipio de Penha

Nas últimas duas semanas, entre os dias 07 a 18 de junho, o Programa Dengue do Departamento de Vigilância em Saúde de Penha, esteve realizando ações de mutirões e palestras em todo o munícipio. As […]

Cidades

Violência contra o idoso cresceu com a pandemia e pode dar novo salto em 2021

Alerta foi feito nesta quinta-feira (17) durante Roda de Conversa entre os vereadores de São José , representantes de entidades e do município

Cidades

Itapema disponibiliza fisioterapia para pacientes com sequelas da Covid-19

O encaminhamento para a reabilitação é realizado diretamente pelos profissionais do Hospital Municipal Santo Antônio ou das Unidades Básicas de Saúde (UBS)

Cidades

Construtores e Prefeitura de Porto Belo fecham parceria para obra do Molhe do Rio Perequê

Além disso, a parceria também contempla obras de macrodrenagem da Avenida Senador Atílio Fontana, no bairro Balneário Perequê

Cidades

Assinada ordem de serviço para construção da rampa de acesso para embarcações em Zimbros

A fim de evitar aglomerações, a solenidade foi transmitida ao vivo

Mais notícias

Segurança

Com fuzil, deputada de Goiás sobe em helicóptero e dispara: “Eu vou te pegar, Lázaro”

A publicação, que somava cerca de 60 mil visualizações no fechamento desta matéria, gerou críticas dos seguidores da deputada no Instagram

Geral

Família faz piquenique fora do carro durante congestionamento na BR-101

Para driblar a fome, uma família que viaja no congestionamento montou um piquenique ali mesmo, na rodovia