keyboard_backspace

Página Inicial

Brasil

Família acusa hospital de arrancar cabeça de bebê durante parto

Uma família afirma que o bebê que esperavam teve a cabeça arrancada durante o parto, realizado na Santa Casa de Misericórdia, em Belém (PA). Conforme a notícia publicada pelo portal Metrópoles, parentes alegam que os […]

X

Uma família afirma que o bebê que esperavam teve a cabeça arrancada durante o parto, realizado na Santa Casa de Misericórdia, em Belém (PA). Conforme a notícia publicada pelo portal Metrópoles, parentes alegam que os funcionários da unidade de saúde forçaram um parto normal, mesmo com a mulher tendo indicação de cesariana, em decorrência de problemas de saúde do feto. O hospital alega que houve complicações no procedimento, na última sexta-feira (16).

O marido contou que a mulher estava com oito meses de gravidez e chegou ao hospital por volta das 6h. Ela teria sido encaminhada pelo médico de Ourém, onde vive o casal, pois a paciente precisaria de uma cirurgia. Segundo o boletim de ocorrência, ela ainda precisou esperar por mais de três horas para ser levada para a sala de parto. “Eles estavam esperando para ver se ela tinha passagem, mesmo sem ela poder ter normal”, afirmou o marido.

Uma amiga acompanhou a grávida e presenciou toda a situação. Ao site Uol, ela disse que avisou diversas vezes aos profissionais de saúde que a mulher não poderia ter um parto normal, porém eles teriam pedido para que a paciente fizesse força. “Eles não deram ouvidos e ficaram mandando ela fazer força. Fizeram tanta força que a cabeça veio na mão da enfermeira e depois caiu no chão. Só operaram depois, para tirar o resto do corpo”, relatou o marido.

A amiga também contou que as enfermeiras ouviram o coração do bebê em duas ocasiões, uma na chegada ao hospital e outra no momento do parto. Apesar disso, um funcionário teria dito que a criança já estava morta “na barriga” e não sobreviveria por conta de má formação. De acordo com o marido, a mulher, que permanece internada, está em choque. Ela sabe que a criança morreu, porém desconhece as circunstâncias. “Achamos melhor não contar para ela ainda. Vamos deixar ela melhorar para contar”.

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), informou em suas redes sociais que mandou afastar os profissionais de saúde que participaram do atendimento. Além disso, lamentou o ocorrido e decretou que a Polícia Civil realize uma investigação para apurar os responsáveis.

Brasil

Piloto é encontrado vivo quase 40 dias depois de desaparecer com avião

O monomotor teria decolado no dia 28 de janeiro da cidade de Alenquer, no Oeste do Pará, com destino a um garimpo

Brasil

STF julga se barra “legítima defesa da honra” em casos de feminicídio

Caso esse tipo de argumento seja utilizado pelo advogado em casos de feminicídio, isso resulta numa nulidade processual, o que pode inviabilizar a sentença, decidiu o ministro.

Brasil

MEC disponibiliza nesta sexta consulta de vagas do Sisu

Para participar do Sisu será exigido do candidato que ele tenha feito o Exame Nacional do Ensino Médio

Brasil

Covid-19: TRE suspende eleições suplementares em 9 cidades paulistas

Entrada do estado na Fase Vermelha levou à suspensão do pleito

Mais notícias

Segurança

Caminhoneiro bate em motocicleta e dirige com moto grudada no para-choque e motociclista agarrado na porta

O caminhão teria passado por cima da mulher e a moto ficou presa na frente da carreta

Brasil

Piloto é encontrado vivo quase 40 dias depois de desaparecer com avião

O monomotor teria decolado no dia 28 de janeiro da cidade de Alenquer, no Oeste do Pará, com destino a um garimpo