keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Homem comete crime para ser preso com o namorado e diz que matará alguém se for solto

Me prende pelo amor de Deus, sem ele nada faz sentido”, teria dito o criminoso

X
Divulgação

Um homem que estava em liberdade condicional foi preso duas vezes em menos de 24 horas na cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul. Segundo informações, ele contou que cometeu os crimes de furto e dano ao patrimônio público para voltar à prisão e ficar junto de seu namorado.

O homem furtou uma bicicleta e ficou na região até que a dona da bicicleta percebesse o crime. Ela pediu ajuda para populares para contê-lo, porém o suspeito não apresentou resistência e disse que cometeu crime para voltar ao Sistema Carcerário.

Horas depois desse crime, o homem foi solto. Porém, focado em reencontrar com o namorado, ele voltou a cometer crimes logo após ser solto. Dessa vez e danificou um vaso sanitário de uma praça da cidade.

O delegado disse que explicou para o homem sobre progressão de regime e livramento condicional que poderiam ser aplicados no caso do namorado dele “Me prende pelo amor de Deus, sem ele nada faz sentido”, teria dito o criminoso.

Ele também disse às autoridades que “se fosse solto, iria matar alguém para ser preso e poder falar com um juiz”.

Fonte: Clicsc

Segurança

Mulher foragida é presa em operação contra o tráfico de drogas em Indaial

O objetivo da investigação é coibir o fornecimento de drogas para as regiões de Ascurra, Apiúna e Rodeio

Segurança

SC: Acusado de matar ex-companheira e jogar corpo em lago fica calado na primeira audiência

De acordo com a denúncia, a vítima pretendia terminar o relacionamento na noite de 2 de dezembro do ano passado

Segurança

Idoso morre esmagado por trator no Oeste catarinense

Quando o Corpo de Bombeiros chegou no local da ocorrência, encontraram o homem embaixo do veículo

Segurança

Detento é morto por colega de cela na penitenciária de Blumenau

O corpo foi recolhido pela Polícia Científica para perícia cadavérica

Segurança

Ciclone Yakecan já provocou duas mortes no RS e Uruguai

O corpo de Ademar Silveira da Silva foi encontrado na manhã desta terça-feira (17)

Mais notícias

Geral

Tempestade Yakecan: ventos já passaram de 75km/h e Defesa Civil monitora fenômeno

De acordo com a Defesa Civil, até a noite de quarta-feira, 18, o sistema pode se intensificar e ganhar características de Tempestade Tropical, trazendo ventos sustentados, que são contínuos, de 75 km/h.

Economia

Negócios: Estado é apresentado para 30 países no SC Day

Evento foi realizado na Embaixada de Portugal, em Brasília