keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Homem usa cobra naja como arma para matar a esposa

Nesta semana, o juiz Manoj sentenciou Suraj à prisão perpétua, dizendo que ele planejou matar a mulher

X
San Diego Zoo/Imagem Ilustrativa

O indiano Suraj Kumar comprou uma das cobras mais venosas do mundo, a naja, e a levou para a casa. Treze dias depois da aquisição, o homem de 28 anos colocou o animal em um saco e a caminhou até a casa de seus sogros, onde sua esposa já se recuperava de uma misteriosa picada de cobra.

A mulher precisou fazer três cirurgias para curar a perna afetada, depois de ser mordia por uma víbora de Russell, uma cobra altamente venenosa, responsável por milhares de mortes na Índia todos os anos

Enquanto ela ainda se recuperava, dizem os investigadores, aceitou um copo de suco de fruta misturado com sedativos do marido. Quando a mistura a fez dormir, Suraj tirou a cobra do recipiente e largou a cobra de um metro e meio de sua esposa adormecida. Mas ao invés de atacá-la, a cobra deslizou para longe. Suraj a pegou e a jogou em Uthra, mas novamente ela escorregou.

Suraj não desistiu: em uma terceira tentativa, ele segurou o réptil pelo capuz que é sua marca registrada e pressionou sua cabeça perto do braço esquerdo de Uthra. A agitada cobra mordeu-a duas vezes. Em seguida, escapuliu para uma prateleira no quarto e ficou lá a noite toda.

Após o crime, Suraj lavou o copo de suco, destruiu o graveto que havia usado para lidar com a cobra com segurança e apagou registros de ligações incriminatórias de seu celular, de acordo com os investigadores.

O relatório da autópsia encontrou dois pares de feridas de punção, com menos de uma polegada de distância, em seu antebraço esquerdo. Amostras de sangue e vísceras revelaram a presença de veneno de cobra e medicamentos sedativos. O veneno da cobra pode matar em horas, paralisando os músculos respiratórios.

Nesta semana, o juiz Manoj sentenciou Suraj à prisão perpétua, dizendo que ele planejou matar Uthra e “disfarçar como uma morte por mordida acidental de uma cobra”. De acordo com os investigadores, a mordida fatal da cobra foi a terceira, não a segunda tentativa de Suraj de matar sua esposa em apenas quatro meses.

“Ele planejou tudo meticulosamente e teve sucesso na terceira tentativa”, disse Apukuttan Ashok, o principal policial investigador. O promotor público Mohanraj Gopalakrishnan chamou o caso de “um marco nas investigações policiais na Índia, quando os promotores puderam provar de forma decisiva que um animal foi usado como arma de assassinato”.

Fonte: Clicsc

Geral

Como ver o Spotify Wrapped 2021 e compartilhar a sua retrospectiva

Retrospectiva revela quais são os artistas e músicas mais ouvidos pelo usuário

Geral

Secretaria da Educação publica edital para a chamada de 1,5 mil servidores efetivos

No edital, é possível consultar as informações detalhadas da chamada e o quadro de vagas por cargo

Geral

Primeiro dia de dezembro é marcado por geada na Serra e 33ºC no Litoral catarinense

A geada foi registrada no Vale do Caminhos da Neve, situado a três quilômetros do Centro de São Joaquim

Geral

Vídeo: Caminhão bitrem desaparece na fumaça antes de entrar em área de escape

Imagens das câmeras de monitoramento que filmam o trecho foram divulgadas pela Arteris Litoral Sul

Geral

Vídeo: Cobra gigante é encontrada no varão de cortina em residência de SC

Serpente invadiu a casa e estava passeando pela cozinha, no varão da cortina e na geladeira

Mais notícias

Cultura e Lazer

Itapema prepara chegada do Papai Noel para o domingo (05/12)

O Natal Itapema 2021 é organizado pela Sanson Gestão de Projetos com o apoio da Prefeitura de Itapema

Política

Estudantes elegem os 13 vereadores mirins de Itapema para 2022

Mais de 4 mil alunos da rede pública e privada exerceram a cidadania e escolheram seus representantes na Câmara Mirim de Itapema