keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Hospital de Ibirama emite nota sobre troca de corpos do Vale do Itajaí

Segundo eles, o erro foi cometido pelas funerárias responsáveis pelas vítimas.

X

O Hospital Doutor Waldomiro Colautti emitiu uma nota na noite desta terça-feira (16), explicando o equívoco que levou à troca do corpo de duas idosas na segunda. Segundo eles, o erro foi cometido pelas funerárias responsáveis pelas vítimas.

Elizia Wunsch, a moradora de Ascurra de 92 anos, faleceu no Setor da Clínica Médica por volta das 9h30. Às cerca de 11h20, a outra paciente, de 94, também foi a óbito no mesmo setor.

A segunda paciente, residente de Presidente Getúlio, foi mantida na enfermaria até que Elizia fosse removida do necrotério. Porém, a funerária contratada pela família dela chegou ao hospital antes da ascurrense.

Sem identificar o corpo que estava no necrotério, a funerária da segunda vítima levou o corpo de Elizia para Presidente Getúlio, onde ela foi velada e enterrada. Em seguida, a funerária de Ascurra cometeu o mesmo erro com o segundo corpo.

O equívoco só foi identificado quando a segunda vítima foi velada em Ascurra e a família reconheceu que não se tratava de Eliza. O hospital foi imediatamente contactado, assim como a Polícia Civil.

Um pedido formal de desculpas foi feito para as famílias envolvidas e todo o suporte e encaminhamentos necessários foram oferecidos. O hospital ainda reiterou que câmeras de segurança registraram que o erro não partiu da instituição.

O corpo da segunda vítima foi translado para Presidente Getúlio e Elizia Wunsch foi exumada para que possa ser velada em Ascurra. As investigações seguem na Delegacia de Ibirama.

Fonte: O Município Brusque

Segurança

Corpo é encontrado boiando em rio de Balneário Camboriú

Corpo de homem foi retirado do Rio Camboriú neste sábado (27)

Segurança

VÍDEO: Pedestre escapa por pouco de ser atropelada em Porto Belo

Acidente foi registrado na noite de sexta-feira (26)

Mais notícias