keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Jovem é executado a tiros na porta de casa em Camboriú

Enquanto os policiais realizavam coleta de informações foram informados que a vítima morreu

X
Ilustrativa

Na noite deste domingo (17) um jovem de 24 anos foi morto a tiros na frente de sua residência no bairro Conde Vila Verde, em Camboriú. Ele chegou a ser socorrido por conhecidos e levado para o Hospital Ruth Cardoso, mas não resistiu.

Enquanto os policiais realizavam coleta de informações foram informados que a vítima morreu. Foram acionados os órgãos competentes e realizados os procedimentos de praxe.

Acredita-se que seja um acerto de contas entre traficantes. O rapaz possui registros policiais por receptação, posse de drogas, tráfico de drogas, perturbação do sossego alheio e furto. Também passou pelo sistema penitenciário estadual no período de 05/2016 a 07/2016 e 07/2021 a 09/2021.

Fonte: Clicsc

Segurança

Filho do ex-presidente Lula é assaltado no trânsito

Dois aparelhos telefônicos e R$ 250 reais foram levados durante a investida

Segurança

Casal é preso tentando esconde mais de 200kg de maconha em Concórdia

O casal recebeu voz de prisão e os dois foram conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil de Concórdia

Segurança

Polícia Civil e IMA apreendem aves sem registros em dois estabelecimentos de Palhoça

Os proprietários dos estabelecimentos irão responder pelo crime de maus-tratos a animais

Segurança

Criminosos invadem comércio em Balneário Camboriú e são presos na cidade de Brusque

Três homens e uma mulher, entraram no local, todos com os rostos encobertos. Um deles usava armas de fogo

Segurança

Homem é encontrado morto em barracão em SC

Perto do corpo foram encontrados alguns rolos de fiações de cobre, uma mochila e um alicate

Mais notícias

Segurança

Filho do ex-presidente Lula é assaltado no trânsito

Dois aparelhos telefônicos e R$ 250 reais foram levados durante a investida

Segurança

Casal é preso tentando esconde mais de 200kg de maconha em Concórdia

O casal recebeu voz de prisão e os dois foram conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil de Concórdia