keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Mistério: Polícia tenta descobrir o que aconteceu com pescador de Porto Belo

Polícia fez reconstituição dos fatos registrados no dia 17 de abril, quando o homem desapareceu

X
Siga-nos no google-news

O desaparecido do pescador Jocildo Vieira da Silva, em Porto Belo, ainda é considerado um mistério. O caso, que está prestes a completar oito meses, mobilizou a Polícia Civil e Instituto Geral de Perícias na segunda-feira (12), que realizou a reconstituição dos fatos registrados no dia 17 de abril, quando o homem desapareceu.

As equipes seguem com os trabalhos de investigação. Dois tripulantes que estavam na embarcação Vô Genésio naquele dia participaram da reprodução simulada. Segundo a Polícia Civil, o objetivo era esclarecer fatos, principalmente a briga entre dois tripulantes, o que teria levado um deles a sangrar no barco. O sangue ainda vai ser analisado pelo IGP com amostras de DNA de um dos filhos de Jocildo e do envolvido na briga, que foi ferido com uma faca.

Foto: Divulgação

Possível homicídio

A polícia já não considera mais um simples desaparecimento. “Se fosse um simples desaparecimento, que tivéssemos indícios que foi só desaparecimento, não teria feito tanta diligência quanto está sendo feita. Começou com desaparecimento, mas em razão das provas angariadas podemos estar diante de um homicídio”, afirma.

O barco saiu do trapiche do Araçá, em Porto Belo, no início da tarde daquele sábado, com destino à Navegantes. Quando voltou, no entanto, Jocildo não estava mais na embarcação.

Segundo a delegada, os pescadores haviam bebido uma mistura a base de álcool de cozinha, leite condensado e suco em pó, conhecida como “jararaca”. Jocildo, no entanto, não havia bebido muito. Além da bebida, alguns tripulantes haviam usado cocaína. Por estarem alterados, a briga teria iniciado entre dois tripulantes. Jocildo, no entanto, não teria se envolvido. Ele teria saído de perto da discussão, e não foi mais visto. As informações são do ND+.

Segurança

Motociclista morre em acidente com carro em rodovia catarinense

Quando os socorristas chegaram, já não havia ninguém no local do acidente

Segurança

Casa noturna de BC terá que indenizar cliente após constrangimento por suposta nota falsa

Justiça determinou que estabelecimento pague R$ 7 mil de danos morais ao consumidor

Segurança

Adolescente é mantida em cativeiro durante sete meses por homem que conheceu na internet

A menina foi dada como desaparecida e passou os sete meses sem contato com os pais

Segurança

Polícia aborda carro e encontra arma de fogo Camboriú

Abordagem ocorreu no bairro Rio Pequeno em Camboriú

Segurança

Homem que arrastou namorada pelos cabelos e tentou matá-la com tesouradas é condenado

Reincidente em crime doloso, o rapaz confessou ter praticado o delito de modo parcial

Mais notícias

Animal

Homem ganha R$3 mil de recompensa após achar “Elvis”, papagaio desaparecido em Florianópolis

O vizinho afirmou que o pássaro estava no terreno da casa dele desde a noite de sexta (12)

Geral

Fundador da Vinícola Girola morre aos 93 anos em SC

Ele deixa esposa, 10 filhos, 14 netos, 2 bisnetos, familiares e amigos enlutados