keyboard_backspace

Página Inicial

coronavirus

MPSC recomenda que Itapema respeite públicos-alvos prioritários em vacinação contra Covid-19

Intenção do município de vacinar professores não encontra respaldo nos Planos Nacional e Estadual de Vacinação

X
Divulgação

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) expediu nesta terça-feira (09) uma recomendação para que o Município de Itapema adote de forma rigorosa os critérios definidos pelos Planos Nacional e Estadual de vacinação e normas técnicas que estabelecem os critérios de priorização e público-alvo definidos para cada etapa da vacinação contra a covid-19. O município tem o prazo máximo de 48 horas para responder à recomendação.

De acordo com a 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Itapema, foi anunciado pela Prefeitura de Itapema que, com o recebimento do novo lote de vacinas, o município iria vacinar os profissionais da educação. A medida contraria os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde, que já define o público-alvo a ser vacinado com as próximas doses recebidas.

Na recomendação, a Promotora de Justiça Carla Mara Pinheiro esclarece que não há indicação para alteração do grupo prioritário e que o Plano Municipal de Vacinação contra a covid-19 de Itapema, da mesma forma que os planos nacional e estadual, prevê uma sequência de vacinação. Conforme o plano municipal, os professores serão vacinados na quarta fase, após a vacinação dos outros grupos.

A Promotora também considerou o baixo número de pessoas dos grupos prioritários vacinadas, como os idosos, trabalhadores da saúde, pessoas com deficiência, povos de comunidade tradicionais e pessoas com comorbidades, para recomendar a adoção dos critérios de vacinação. 

“A campanha de vacinação foi iniciada ainda no mês de janeiro, com quantitativo muito inferior ao necessário para cobrir o significativo número de pessoas pertencentes aos variados grupos prioritários”, destacou a Promotora de Justiça.

A Promotoria também sustenta a recomendação se baseando em diversas deliberações da Comissão Intergestores Bipartite de Santa Catarina e no “escalonamento vacinal estabelecido pelo Ministério da Saúde e adotado pelo Estado de Santa Catarina e Municípios”.

Uma recomendação do Ministério Público representa uma cientificação expressa e formal da necessidade de providências para resolver uma situação irregular ou prevenir uma irregularidade. O não atendimento pode resultar em medidas judiciais e extrajudiciais futuras.

Fonte: Clicsc

coronavirus

Coronavírus em SC: Matriz de Risco aponta quatro regiões em estado grave e 12 em nível gravíssimo

No último boletim, divulgado em 03 de abril, apenas a região de Xanxerê encontrava-se no nível grave, as demais estavam em estado gravíssimo

coronavirus

Integrantes das forças policiais começam a ser vacinados nesta sexta-feira em Florianópolis

Os profissionais que serão imunizados já receberam contato prévio sobre a data, local e horário da aplicação da dose.

coronavirus

São José amplia vacinação para 66 anos nesta sexta e 65 anos no sábado

Também será oferecida a segunda dose para os idosos acima de 75 anos que fizeram a primeira dose da vacina Coronavac/Butantan.

coronavirus

Nova remessa com quase 145 mil doses da vacina contra a COVID-19 chega em SC nesta quinta-feira

Com mais essa remessa, Santa Catarina soma um total de 1.472.740 doses recebidas. Estado distribui 234.750 doses para todos os 295 municípios

coronavirus

Professoras da rede municipal de ensino morrem no mesmo dia com Covid-19 em SC

Vítimas tinham 41 e 57 anos e tiveram complicações causadas pelo coronavírus

Mais notícias

Utilidade Pública

Procon de São José atende com agendamento prévio

A medida é necessária para evitar aglomeração de pessoas, sendo que o atendimento deve ser marcado pelo Whatsapp (48) 98477-7790

Segurança

Diarista encontrada morta no rio Itajaí-Açu teria pegado carona com conhecido

Prisão do assassino pode ocorrer nos próximos dias, segundo a Polícia Civil