keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Nova sede da Polícia Científica é inaugurada em Palhoça

Além de promover melhorias significativas em termos de estrutura, a mudança deve gerar uma economia anual de quase R$ 300 mil

X
Divulgação
Siga-nos no google-news

A Superintendência Regional da Polícia Científica em Palhoça está funcionando em novo endereço. O imóvel que agora abriga a sede do órgão pericial catarinense foi cedido pelo Governo do Estado e faz parte do complexo compartilhado pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Secretaria da Educação, no Bairro Bela Vista. Além de promover melhorias significativas em termos de estrutura, a mudança deve gerar uma economia anual de quase R$ 300 mil.

O perito-geral da Polícia Científica de Santa Catarina, Giovani Eduardo Adriano, reconhece que a entrega desta obra e a execução de várias outras que estão em curso evidenciam a evolução e o fortalecimento da Perícia Oficial. Segundo Giovani, que é o atual presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública, com a criação do Fundo de Melhoria da Perícia Oficial – Fumpof, em 2019, o governador Carlos Moisés tornou isso possível, visto que a instituição conquistou sua autonomia financeira, orçamentária e patrimonial.

“Graças aos recursos do Fumpof, conseguimos reformar o imóvel cedido pelo governo estadual e eliminar uma despesa de R$ 23.958,73 mensais com aluguel do prédio anterior. Trata-se de um local com excelente estrutura para abrigar nossos servidores e prestar serviços de qualidade à população, sem contar a economia anual de R$287.504,76 aos cofres públicos”, disse. Para a execução da reforma foram investidos cerca de R$ 620 mil.

A nova sede da Superintendência Regional da Polícia Científica está localizada na rua José Cosme Pamplona, 1447, no Bairro Bela Vista. O local também representa um ponto estratégico para atendimento dos cidadãos que residem nos municípios localizados ao longo da BR-282. Vale destacar que no local funcionarão os setores de criminalística e de medicina legal. O serviço de emissão da carteira de identidade continua funcionando no posto de identificação que fica no shopping Via Catarina.

Unidades recebem novas viaturas

O evento desta terça-feira também foi marcado pela entrega de 69 viaturas caracterizadas, distribuídas entre as unidades da Polícia Científica em todo o estado. Os veículos foram adquiridos com recursos do programa SC Mais Segura, maior volume de investimentos da história destinado à Segurança Pública catarinense, que até o fim do ano alcançará o montante de R$ 343 milhões. Ao todo, foram adquiridas 92 viaturas, ao preço total de R$11.224.000,00.

“O apoio do Governo do Estado tem promovido avanços significativos na modernização e capacitação das forças de segurança. Com os investimentos do SC Mais Segura, a Polícia Científica conseguiu renovar sua frota, substituir os computadores de todas as unidades, comprar novos mobiliários, tecnologias e equipamentos. Estamos conseguindo oferecer serviços mais qualificados e acessíveis à população, além de proporcionar aos nossos servidores um ambiente de trabalho mais adequado”, destaca Giovani Adriano.

Fonte: Clicsc

Geral

Fundador da Vinícola Girola morre aos 93 anos em SC

Ele deixa esposa, 10 filhos, 14 netos, 2 bisnetos, familiares e amigos enlutados

Geral

Santa Catarina avalia incluir rota direta para o Caribe

Copa Airlines é uma das principais companhias aéreas da América Latina, e faz rota entre a América do Sul e o Caribe e a América do Norte

Geral

Projeto confirma que plástico é o principal poluente dos costões de Balneário Camboriú

A identificação e limpeza dos pontos que acumulam resíduos nos costões rochosos começaram em agosto de 2021 e terminaram em junho de 2022

Geral

FG Big Wheel doa uma tonelada de alimentos para instituições da região

As doções foram feitas na promoção do aniversário de Balneário Camboriú

Mais notícias

Tempo

SC pode ser atingida por novo ciclone nesta semana

A semana começa quente e abafada, mas logo dá lugar a uma frente fria, que vem acompanhada de temporais e muitas nuvens

Segurança

Furto de fiação elétrica causa desabastecimento de água em cidade catarinense

A SESAN acionou a polícia, que investiga o caso para que sejam aplicadas as medidas legais contra o criminoso