keyboard_backspace

Página Inicial

coronavirus

Nova York registra primeiro caso da variante brasileira da Covid-19

Idoso que não possui histórico de viagens recentes, é a primeira pessoa infectado com a variante P1

X

Um idoso de 90 anos, morador do Brooklyn, em Nova York, nos Estados Unidos, que não possui histórico de viagens recentes, é a primeira pessoa do Estado infectado com a variante P1 da Covid-19, ‘variante brasileira’. A informação foi divulgada neste sábado (20), pelo governador Andrew Cuomo. Ainda não se sabe como o paciente contraiu o vírus.

O caso foi identificado por cientistas do Hospital Mount Sinai, na cidade de Nova York, e verificado pelo Departamento de Saúde do Wadsworth Center Laboratories. O DOH está trabalhando com o Departamento de Saúde e Higiene Mental da cidade de Nova York para obter mais informações sobre o paciente e possíveis contatos.

“A detecção da variante brasileira aqui em Nova York ressalta ainda mais a importância de tomar todas as medidas adequadas para continuar a proteger sua saúde”, disse o governador. De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, 48 casos da variante brasileira estão em análise no país. O primeiro caso de contaminação pela variante P1 foi identificado em Minnesota, no dia 25 de janeiro.

coronavirus

Justiça considera morte por Covid-19 acidente de trabalho

Família de motorista de Minas Gerais receberá indenização por danos morais e materiais

coronavirus

Proposta de Plano de Vacinação para profissionais da educação de Santa Catarina é apresentada

A apresentação foi realizada pela Secretaria de Estado da Educação e integrantes do Comitê Estratégico de retomada das aulas presenciais, um grupo intersetorial formado por 14 entidades

coronavirus

Mãe de Henry é internada com covid na prisão

Em nota, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro informou que Monique foi encaminhada ao Hospital Penal Hamilton Agostinho

coronavirus

Estudo aponta eficácia de 97,6% de vacina russa Sputnik V

Os novos dados correspondem a 3,8 milhões de russos que receberam tanto a primeira dose quanto uma dose de reforço, como parte do programa nacional de vacinação com a Sputnik V.

coronavirus

Itajaí tem alta taxa de adesão à segunda dose da vacina contra Covid-19

Até a manhã desta segunda-feira (19), apenas 411 pessoas, que estão no prazo, ainda não haviam feito a segunda dose da vacina – o dado representa 4,05% de faltantes.

Mais notícias

Segurança

Carro cai e represa e mãe e filha morrem afogadas em São Bento do Sul

Mãe e filha morreram afogadas depois de uma saída de pista registrada na BR-280, em São Bento do Sul, no Norte de Santa Catarina. O carro em que elas estavam caiu em um lago de […]

Segurança

Mulher mata marido com cinco tiros, alega legítima defesa e é solta pela Justiça

A Justiça de Itajaí mandou soltar a mulher que matou o marido com cinco tiros na madrugada desta terça-feira (20/4). Segundo a defesa dela, ela não aguentava mais apanhar, ser ameaçada de morte e ser […]