keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia Federal faz ação de combate ao tráfico internacional de drogas em 11 cidades de SC

Cerca de 250 policiais estão cumprindo 34 mandados de prisão e 50 mandados de busca e apreensão, em 15 cidades nos estados de Santa Catarina. itapema, Itajaí, Navegantes, Balneário Piçarras e Barra Velha estão entre elas.

X
Foto: Polícia Federal/ Divulgação

A Polícia Federal, com apoio da Receita Federal, deflagrou nesta manhã (10) a operação “Shipping Box”, cujo objetivo é desmantelar uma grande organização criminosa instalada no sul do País, voltada à prática do crime de tráfico internacional de drogas, notadamente por meio da remessa de grandes cargas de cocaína a partir de diversos portos do Brasil. Durante as investigações, foram apreendidas aproximadamente 6 toneladas de cocaína e presas 8 pessoas em flagrante delito.

Cerca de 250 policiais estão cumprindo 34 mandados de prisão e 50 mandados de busca e apreensão, em 15 cidades nos estados de Santa Catarina (Joinville, Itapoá, Jaraguá do Sul, São Francisco do Sul, Itajaí, Navegantes, Balneário Piçarras, Barra Velha, Itapema, Canelinhas e Criciúma), Paraná (Paranaguá), Rio Grande do Sul (Rio Grande), São Paulo (Mogi Mirim) e Rio de Janeiro (Cabo Frio).

Conforme foi investigado pela PF, para embarcar as drogas, a organização criminosa se valia de vários expedientes, como a cooptação de funcionários dos portos para facilitar a entrada do entorpecente, a criação de compartimentos falsos em caminhões para transporte de traficantes e cargas de drogas para dentro do ambiente portuário e até a criação de empresas de logística de carregamento e transporte de contêineres para atrair a exportação de cargas lícitas que ensejassem a oportunidade de enxerto e embarque de cocaína. Parte das cargas de cocaína que vinham da Bolívia eram inseridas em contêineres a bordo de navios para a Europa, outra parte era pulverizada para abastecer organizações criminosas dedicadas ao tráfico para consumo interno.

Dando cumprimento à diretriz da PF no sentido da desarticulação patrimonial do crime organizado, estão sendo sequestrados 68 veículos, 23 imóveis e 2 embarcações, bem como sendo realizado o bloqueio de 30 contas bancárias de vários investigados. A PF já detectou, em meio ao tráfico, indicativos de um esquema de lavagem de dinheiro por alguns dos investigados através da constituição de empresas fictícias e aquisição de ativos como ouro e até mesmo de criptomoedas.

Nos autos do inquérito policial instaurado para a completa apuração dos fatos, os investigados responderão pelos crimes de tráfico de drogas (art. 33 da Lei nº 11.343/06) e formação de organização criminosa (art. 2º da Lei nº 12.850/13), cujas penas máximas somadas ultrapassam 30 anos de reclusão.

Os presos serão conduzidos às sedes da PF em Joinville e Itajaí, onde serão interrogados para, posteriormente, serem levados ao presídio regional de Joinville, onde ficarão recolhidos à disposição da Justiça Federal.

Será concedida entrevista coletiva, às 10h30, na sede da Delegacia da Polícia Federal em Joinville/SC, com número restrito de vagas, em face das restrições decorrentes da situação de pandemia em vigor (serão admitidos no máximo 2 profissionais por veículo de imprensa, que deverão portar crachá de identificação e observar as medidas de proteção, como uso de máscara e manutenção de distanciamento mínimo entre os presentes).

Fonte: Clicsc

Segurança

Rambo catarinense: Policial de SC com treinamento de selva pede licença para caçar Lázaro Barbosa

Nesta segunda-feira (21), Igor enviou um ofício para a administração da Colônia Penal Agrícola da cidade, onde pediu uma licença prêmio de 15 dias

Segurança

Mulher é presa em Porto Belo suspeita de maltratar cachorros

Os animais foram recolhidos e após estarem aptos e castrados serão doados.

Segurança

Polícia apreende quase R$2 milhões em cocaína com ajuda de cão farejador

O motorista, de 48 anos, disse que buscou a droga em Campo Grande/MS e a levaria até Santa Maria/RS

Segurança

Homem é preso com pedras preciosas, drogas e arma no litoral de SC

Ao delegado Eduardo Ferraz, o homem disse que apresentará a documentação das pedras.

Segurança

Entrevista com a esposa de Lázaro: ‘Ele era marido bom e não irá se entregar; veja

Jornalista Roberto Cabrini conversou com a esposa do Lázaro Barbosa no Domingo Espetacular

Mais notícias

Geral

Prefeitura de São José promove o incentivo à alimentação e à agricultura familiar

Atualmente o Município conta com 19 agricultores familiares vinculados, sendo ofertados mais de 30 produtos orgânicos,