keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Piçarras lança projeto piloto de separação e coleta domiciliar de resíduos em três frações

Projeto de separação em três frações será testado em 1.018 residências, 19 unidades municipais e cinco escolas municipais

X
Foto: Divulgação

O município está em fase de implantação do projeto piloto de separação e coleta domiciliar de resíduos em três frações, entre lixo reciclável, orgânico e rejeito. Ao todo, 1.018 residências de Balneário Piçarras receberão lixeiras especiais gratuitamente e poderão receber parte do adubo da Central de Compostagem.

Algumas casas já contam com as lixeiras e a instalação retorna nas próximas semanas. Os moradores das residências selecionadas nos bairros Nossa Senhora da Paz, Santo Antônio, Itacolomi e Centro vão receber capacitação para a separação correta do lixo.

Os resíduos recicláveis e orgânicos serão coletados pelo caminhão da coleta seletiva e serão destinados, respectivamente, para a cooperativa de catadores de materiais recicláveis e para a futura central de compostagem do município.

“O projeto engloba ainda a coleta de restos de jardinagem, poda e corte de árvores. Após passarem por trituração, os resíduos serão incorporados ao processo de compostagem para formação de adubo, que poderá ser distribuído para a população interessada em recebê-lo”, explica a engenheira sanitarista da Fundação do Meio Ambiente de Balneário Piçarras (Fundema), Julia Campos Dotto.

As residências devem ter 1,5m de calçada para comportar a lixeira de 30cm e garantir a acessibilidade, regulamentada em 1,20m. As maiores unidades municipais receberão quatro bombonas de 30 litros. O comprometimento em participar do projeto é essencial.

“Essa é uma ótima oportunidade para identificarmos os problemas e propormos melhorias. Nosso objetivo é ampliarmos aos poucos a coleta em três frações para toda a cidade e, quem sabe um dia, tornar Balneário Piçarras uma cidade referência na boa gestão e gerenciamento de seus resíduos sólidos”, enfatiza a engenheira sanitarista.

Balneário Piçarras é destaque nacional na gestão de resíduos sólidos

O projeto de separação e coleta integra as metas do programa Recicla Aí, contemplado com o primeiro lugar no Brasil no edital de Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos do Ministério do Meio Ambiente (MMA). Com isso, a prefeitura possui R$ 2.742.500,00 de recurso federal disponíveis para licitação para aplicar em metas pelo Ministério do Meio Ambiente.

Para cumprimento da meta 1 (Realização de coleta seletiva de resíduos recicláveis secos, orgânicos e rejeitos), Balneário Piçarras atua na coleta seletiva, EcoPontos, instalação de lixeiras públicas e domiciliares. Na meta 2 (Instalação de unidade de compostagem de resíduos orgânicos), está inclusa a instalação da unidade de compostagem, essencial para o início da atuação do projeto piloto de separação e coleta domiciliar de resíduos, e a aplicação dos compostos obtidos a partir da compostagem dos resíduos orgânicos em hortas escolares e recuperação de Áreas de Preservação Permanente (APP).

Fonte: Clicsc

Geral

Jovem fica 8 anos com objeto estranho no nariz causando mau cheiro

Os médicos consideram que o paciente teve muita sorte

Geral

SCGÁS tem dois processos de contratação de gás natural em andamento

O objetivo é complementar a oferta do energético nas regiões

Geral

Como a telemedicina ajudou no acesso à saúde durante a pandemia

Por meio de plataforma tecnológica, milhares de pacientes, em todo o país, conseguiram ser atendidos por médicos especialistas, com segurança e efetividade

Geral

CDL Guabiruba homenageia mulheres pela passagem do seu dia

Entidade tem 50% da diretoria composta por mulheres

Geral

Instituto do Meio Ambiente concede licença para ampliar Hospital em Chapecó

O projeto prevê o aumento da capacidade de leitos de 277 para 329, entre outras ampliações que ainda estão sendo realizadas

Mais notícias

Segurança

Camionete pega fogo na BR-101 em Itapema e causa quilômetros de congestionamento

Às 16h10min, as faixas já haviam sido liberadas e apenas o acostamento estava bloqueado

Utilidade Pública

Coleta e tratamento de esgoto ajudam na melhoria da qualidade de vida

Os serviços de coleta e tratamento dos esgotos levam à melhoria da qualidade de vidas das pessoas, sobretudo na saúde das famílias, com redução da mortalidade infantil, aponta o Instituto Trata Brasil. De acordo com […]