keyboard_backspace

Página Inicial

Sem categoria

PM captura mulher que mandou matar marido com após revelação de pai de santo

Caso chocou o Paraná em 2010. Justiça diz que foi o próprio pai de santo quem executou o crime

No dia 17 de janeiro de 2018 a Polícia Militar recebeu uma denúncia de que uma mulher foragida da justiça e identificada como Rijani de Almeida Ferreira, estava escondida na área do 12º BPM. A abordagem foi realizada nesta terça-feira, 23/01, por volta das 14h, na Avenida Marginal Leste, bairro dos Municípios, por uma guarnição da Bike Patrulha que, a partir destas informações, iniciou buscas para cumprir o mandado de prisão. Diante dos fatos, Rijani foi presa e conduzida ao Complexo Penitenciário.

Rejani foi condenada em 2014 por homicídio qualificado e ocultação do cadáver. O assassinato aconteceu com ajuda de um “pai de santo” que também foi processado pelo mesmo crime. Segundo ela, a decisão de matar o seu marido Lauro Guis foi a revelação do pai de santo de que Lelo, como era conhecido o empresário, pretendia matar ela e seu filho.

O caso ocorreu no interior do Paraná. Na madrugada de 6 de setembro de 2010, em um apartamento do Edifício Maria Thomasi, na área central de União da Vitória, o empresário Lauro Guis, conhecido como Lelo, foi golpeado na cabeça com um pedaço de madeira enquanto dormia. Quem desferiu o golpe, segundo o inquérito policial, foi o Pai de Santo Manoel Alvez Filho com ordens da então esposa de Lelo, Rijani de Almeida. O motivo foi o recebimento de um seguro pela morte da vítima e também de um imóvel no valor de R$ 400 mil que o empresário estava vendendo.

Mais notícias

Utilidade Pública

Procon de São José atende com agendamento prévio

A medida é necessária para evitar aglomeração de pessoas, sendo que o atendimento deve ser marcado pelo Whatsapp (48) 98477-7790

Segurança

Diarista encontrada morta no rio Itajaí-Açu teria pegado carona com conhecido

Prisão do assassino pode ocorrer nos próximos dias, segundo a Polícia Civil