keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia incinera drogas apreendidas em Santa Catarina

Na quarta-feira (22) e na quinta-feira (23), a Polícia Civil de Santa Catarina, através da Delegacia de Polícia da Comarca de Orleans e da 6ª Delegacia de Polícia da Capital, incinerou drogas apreendidas em operações […]

X
Divulgação

Na quarta-feira (22) e na quinta-feira (23), a Polícia Civil de Santa Catarina, através da Delegacia de Polícia da Comarca de Orleans e da 6ª Delegacia de Polícia da Capital, incinerou drogas apreendidas em operações policiais.

Em Orleans, os policiais civis incineraram tabletes e porções de cocaína, crack e maconha apreendidos em cerca de 30 procedimentos, entre inquéritos, autos de prisão em flagrante e apurações de ato infracional. Já na Capital, foram incinerados aproximadamente 80 quilos de drogas apreendidas.

Fonte: Clicsc

Segurança

Cachorrinho é sequestrado por bandidos em Jurerê Internacional em Florianópolis

Animal foi levado pelos bandidos, que também roubaram relógio, brincos e um computador

Segurança

Adolescente que confessou ter matado pai a facadas pediu para ir ao velório

Pedido foi negado na Justiça; No documento, juiz diz, ainda, que, “ao desferir as facadas como fez, ela já se despediu do pai”

Segurança

VÍDEO: Incêndio de grandes proporções atinge cinco lojas e evacua hotel em Florianópolis

Por enquanto não há informação de feridos e nem sobre a causa do incêndio

Segurança

Homem que andava armado pelas ruas de Itapema é preso pela Polícia Militar

Denúncia levou PM até o bairro Jardim Praia Mar onde realizou a prisão

Segurança

Itapema: PM prende homem que comandava tráfico de drogas no bairro Tabuleiro

PPT realizou a prisão do homem e encontrou drogas dentro da residência

Mais notícias

Segurança

Cachorrinho é sequestrado por bandidos em Jurerê Internacional em Florianópolis

Animal foi levado pelos bandidos, que também roubaram relógio, brincos e um computador

Segurança

Adolescente que confessou ter matado pai a facadas pediu para ir ao velório

Pedido foi negado na Justiça; No documento, juiz diz, ainda, que, “ao desferir as facadas como fez, ela já se despediu do pai”