keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia utiliza drone para abordar pescadores ilegais de camarão

Após denúncias da pesca, os agentes da PMA percorreram a orla da Praia Alegre. Um drone foi utilizado para monitorar a movimentação dos barcos

X
Polícia Militar Ambiental/Divulgação

A Polícia Militar Ambiental apreendeu uma carga de 130kg de camarão pescado irregularmente na cidade de Penha na última sexta-feira (30). O período de defeso do camarão termina em 31 de maio, portanto é proibida a prática da pesca nesse momento. Os responsáveis pelas três embarcações flagradas foram atuados por infração ambiental.

Após denúncias da pesca, os agentes da PMA percorreram a orla da Praia Alegre. Um drone foi utilizado para monitorar a movimentação dos barcos.

A abordagem foi feita quando as três embarcações chegaram ao Rio Iriri para atracarem no local. Além do camarão, os barcos e os apetrechos de pesca foram apreendidos pela Polícia Ambiental. O pescado foi doado para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

Devido à baixa luminosidade, as embarcações só foram removidas do rio na manhã de sábado (1º), com apoio do IBAMA e da Fundação de Amparo ao Meio Ambiente (Famab). Os barcos foram levados para Itajaí.

Fonte: Clicsc

Segurança

Mãe espanca filha de 7 anos e deixa criança sem comida por dias; caso é investigado

Como forma de castigo menina era deixada de joelhos na cozinha durante toda a madrugada sem poder dormir

Segurança

Polícia Civil autua em flagrante autor das mortes em Saudades

Preso foi autuado em flagrante por cinco homicídios triplamente qualificados

Segurança

Polícia apreende 167 quilos de maconha em Pinhalzinho

O motorista, de 31 anos, disse que levaria a maconha até o Rio Grande do Sul

Mais notícias

Política

Paulinho é recebido pelo líder do governo Bolsonaro na Câmara e apresenta novos projetos de mobilidade e turismo para Bombinhas

Uma das regiões beneficiadas é a do Mariscal, uma das praias mais procuradas pelos banhistas que todos os anos visitam a cidade

Segurança

Mãe espanca filha de 7 anos e deixa criança sem comida por dias; caso é investigado

Como forma de castigo menina era deixada de joelhos na cozinha durante toda a madrugada sem poder dormir