keyboard_backspace

Página Inicial

Sem categoria

Porto Belo adquire micro-chip para identificação de animais

A inserção do micro-chip será realizada em cães e gatos e iniciará com os próximos animais a serem castrados gratuitamente no Centro de Castração

X

Cumprindo a Lei Nº 2345, de 23 de dezembro de 2015, que trata do bem estar animal, a Administração do Município de Porto Belo através da Secretaria de Saúde adquiriu nesta semana 500 unidades de micro-chips para identificação animal. A inserção do micro-chip será realizada em cães e gatos e iniciará com os próximos animais a serem castrados gratuitamente no Centro de Castração, mantido pela Secretaria de Saúde no Município. A entrega das primeiras unidades ao Centro de Castração aconteceu nesta quinta-feira (08), junto com outros materiais de necessidade do espaço.

  O prefeito do Município Emerson Stein destaca que esta é uma medida que foi prevista em Lei no ano de 2015 e que ainda não havia sido cumprida. “Estamos respeitando aquilo que estava previsto em Lei. O projeto tem como objetivo cadastrar os animais num sistema, facilitando assim a identificação dos mesmos” – diz o prefeito. Emerson ainda destaca que o sistema armazenará os dados do proprietário dos animais, que será responsabilizado em possível abandono.

A secretária de saúde Jainara Nordio diz que este é um grande avanço para o Município, que busca diminuir a população de animais de rua. “Temos um grande número de animais que são abandonados por seus donos, por inúmeros motivos. Com a identificação dos animais, conseguiremos responsabilizar o proprietário em casos de abandono e conscientizá-lo sobre os cuidados com os animais de estimação” – diz a secretária.

Os chips serão implantados inicialmente nos animais que forem castrados, não havendo a necessidade de procurar, neste primeiro momento, o Centro de Castração para implantação. Conforme a Administração adquirir mais unidades, outros sistemas de implantação serão criados.

Mais notícias

Segurança

Cachorrinho é sequestrado por bandidos em Jurerê Internacional em Florianópolis

Animal foi levado pelos bandidos, que também roubaram relógio, brincos e um computador

Segurança

Adolescente que confessou ter matado pai a facadas pediu para ir ao velório

Pedido foi negado na Justiça; No documento, juiz diz, ainda, que, “ao desferir as facadas como fez, ela já se despediu do pai”