keyboard_backspace

Página Inicial

coronavirus

Sargento com mais de 30 anos de PM morre vítima da Covid-19 em SC

Ele era natural do Rio Grande do Sul, mas foi sepultado na Linha São Rafael, no interior de Ipumirim, no Oeste catarinense

X
Divulgação/PMSC

O 1º sargento Leucir José Kist, de 53 anos, morreu vítima da Covid-19 em Santa Catarina. O policial militar estava internado em Lages, na Serra catarinense. A vítima morava na cidade de Chapecó, no Oeste.

Leucir ficou aproximadamente 20 dias hospitalizado por conta de complicações causadas em decorrência do novo coronavírus. O policial foi um dos mais de 90 pacientes do Oeste que foram transferidos para outras cidades por conta da falta de leitos.

Conforme o major Ademir Barcarollo, comandante do 2º BPM (Batalhão de Polícia Militar) em Chapecó, o sargento morreu vítima de uma parada cardiorrespiratória. Ele era natural do Rio Grande do Sul, mas foi sepultado na Linha São Rafael, no interior de Ipumirim, no Oeste catarinense.

Leucir atuou por 32 anos na PMSC (Polícia Militar de Santa Catarina), mas recentemente estava lotado na 3ª Companhia onde trabalhava no setor administrativo. No fim da década de 90, Kist trabalhou no policiamento ostensivo no PPT (Pelotão de Patrulhamento Tático).

Fonte: Clicsc

coronavirus

Latinos viajam aos Estados Unidos em busca de imunização

A América Latina é uma das regiões mais afetadas pela pandemia de covid-19, com o número de mortos próximo de superar 1 milhão neste mês

coronavirus

Em um mês, seis pessoas da mesma família morrem vítima da Covid-19 em SC

Sexta morte por coronavírus foi registrada na terça-feira (11) na mesma família

coronavirus

Liminar proíbe funcionamento e divulgação de novos eventos de casa noturna no Sul de SC

O novo decreto do Estado de Santa Catarina permite o funcionamento de casas noturnas, boates, casa de shows e pubs, mas seguindo diversas regras e apenas para eventos sociais.

coronavirus

Anvisa orienta suspensão de vacina da AstraZeneca para grávidas

A decisão é resultado do monitoramento de eventos adversos feito de forma constante sobre as vacinas contra a covid-19 em uso no país.

coronavirus

Pessoas com comorbidades acima de 50 anos serão vacinadas contra a covid-19 em São José

Para a vacinação é necessário apresentar o comprovante da primeira dose (Cartão de vacinação), um documento com foto e o QR-Code (o não cadastro não impede a vacinação, mas agiliza o processo).

Mais notícias

Segurança

Polícia investiga assassinatos causados por possível Serial Killer em Curitiba

Por conta das semelhanças entres os assassinatos, a Polícia Civil trabalha com a hipótese de crime de ódio cometido pela mesma pessoa

Geral

Homem é preso depois de atirar de janela de hotel para a rua em Balneário Camboriú

A arma era um revólver Cal. 32 contendo quatro munições intactas e duas deflagradas