keyboard_backspace

Página Inicial

economia

Secretaria da Agricultura de SC anuncia interdição de 10 áreas de cultivo de moluscos

A interdição é necessária quando é detectada uma concentração de ficotoxina Ácido Okadaico acima dos limites permitidos nos cultivos de moluscos bivalves.

X
Foto: Ricardo Wolffenbüttel / Secom

A Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural anunciou, nesta sexta-feira, 27, a interdição dos cultivos de moluscos das localidades de Barro Vermelho, Tapera, Sambaqui e Praia do Forte,no município de Florianópolis; Praia do Cedro, Praia do Pontal, Enseada do Brito e Maciambu, em Palhoça; Laranjeiras, em Balneário Camboriú e Fazenda da Armação, no município de Governador Celso Ramos. Nessas áreas está proibida a retirada e comercialização de ostras e mexilhões e seus produtos, inclusive nos costões e beira de praia.

A interdição é necessária quando é detectada uma concentração de ficotoxina Ácido Okadaico acima dos limites permitidos nos cultivos de moluscos bivalves. Quando consumida por seres humanos, essa substância pode ocasionar náuseas, dores abdominais, vômitos e diarreia.

A Cidasc intensificou as coletas para monitoramento das áreas de produção de moluscos interditadas e arredores. Os resultados dessas análises definirão a liberação ou a manutenção da interdição. Os locais de produção interditados serão liberados após dois resultados consecutivos demonstrando que os moluscos estão aptos para o consumo.

Liberação Parcial

Permanecem parcialmente interditadas as áreas de Santo Antônio de Lisboa e Cacupé, também em Florianópolis. Nessas localidades está autorizada a retirada e comercialização apenas de ostras. O fato ocorre devido ao resultado positivo para a ficotoxina acido okadaico em mexilhões e negativo para as ostras.

Monitoramento constante
Santa Catarina é o único estado do país que realiza o monitoramento permanente das áreas de cultivo. O Programa Estadual de Controle Higiênico Sanitário de Moluscos é um dos procedimentos de gestão e controle sanitário da cadeia produtiva, permitindo maior segurança para os produtores e consumidores.

Fonte: Clicsc

economia

Cerca de 4 mil beneficiados do SC Mais Renda ainda não buscaram seus cartões

Os cartões para aqueles que tiveram aprovação são distribuídos em parceria com os municípios, junto às unidades de assistência social de cada cidade

economia

Gasto médio no Dia das Crianças deve crescer 13,8% em SC

Os dados são apurados em sete cidades do Estado para traçar o perfil do consumidor no período e preparar o empresário do setor com informações relevantes

economia

Movimentação de navios no Porto de São Francisco do Sul cresce 17% em 2021

Os números se referem exclusivamente ao porto público de São Francisco do Sul, sem os dados dos dois terminais privados que também fazem parte do complexo portuário: Itapoá e Tesc

economia

Incertezas na economia derrubam confiança do empresário industrial de SC

A desaceleração na atividade global também preocupa, aponta a Federação

economia

Gasolina e gás de cozinha aumentam de novo; Preço do botijão já chega há R$ 130

Mesmo sem a Petrobras aumentar o preço do produto nas suas refinarias, já soma alta de mais 5%

Mais notícias

Cidades

Trânsito no Morro de Zimbros será interrompido nesta terça-feira (27)

O Governo do Município de Porto Belo, por meio do Departamento de Trânsito da cidade, informa que nesta terça-feira (27), o trânsito no Morro de Zimbros estará interrompido para que seja realizada mais uma parte […]

Segurança

Caminhoneiro morre esmagado por carga após entrar em área de escape na BR-376

O motorista morreu no local. Antes da chegada do socorro, motoristas que passavam pela região tentaram auxiliar a vítima