keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Senado e Câmara do estado de NY aprovam legalização da maconha

O projeto foi aprovado por 40 votos a 23 no Senado e por 100 votos a 49 na Câmara e agora segue agora para sanção do governador Andrew Cuomo, que tem dez dias para isso.

X
Foto: Blair Gable/Reuters

O Senado e a Câmara do estado de Nova York aprovaram na noite de terça-feira (30) a legalização da posse de até 85 gramas de maconha e o cultivo e a venda da droga para maiores de 21 anos, em uma das legislações mais abrangentes sobre o assunto nos Estados Unidos. O projeto foi aprovado por 40 votos a 23 no Senado e por 100 votos a 49 na Câmara e agora segue agora para sanção do governador Andrew Cuomo, que tem dez dias para isso.

Em nota, Cuomo voltou a dizer que vai transformar o projeto em lei. “Nova York tem uma longa história de ser a capital progressista da nação, e esta importante legislação mais uma vez continuará esse legado”. Atualmente, 14 estados e o distrito de Columbia, onde fica a capital Washington, já legalizaram a venda de maconha para adultos. Nova York será o 15º da lista e também o 3º estado onde os legisladores — não os eleitores — aprovaram a legalização.

“Esta legislação histórica traz Justiça a comunidades marginalizadas há muito tempo, abraça uma nova indústria que vai fazer a economia crescer e estabelece garantias de segurança substanciais para a população”, afirmou Cuomo no comunicado. Mas as vendas não devem começar até que o estado regulamente a lei e crie um conselho, e a estimativa é que o início das comercialização possa levar de 18 meses a 2 anos.

Detalhes do projeto
O projeto permite a maiores de 21 anos comprar maconha e cultivar plantas para o consumo pessoal, elimina as multas por posse de até 85 gramas da droga (a lei atual permite até 55 gramas) e amplia o programa de uso medicinal da maconha.

O estado também deve começar a eliminar automaticamente os registros de pessoas com condenações anteriores por crimes relacionados à maconha, que deixarão de ser criminalizados. “A legalização da maconha é um imperativo de justiça racial e criminal, e a votação de hoje é um passo crítico em direção a um sistema mais justo e justo”, disse a procuradora-geral de Nova York, Letitia James, em um comunicado.

Fonte: originalmente publicado no G1

Geral

Vídeo: Bombeiro se recupera de Covid-19 e recebe homenagem de colegas ao sair do hospital

O vídeo compartilhado pelas redes oficiais da corporação é emocionante.

Geral

Veja o vídeo: Ovelha esquentadinha destrói drone que tentava pastorear rebanho

Uma ovelha um tanto esquentada e valentona acabou com o expediente de um drone pastor em uma fazenda do País de Gales, Reino Unido. O fazendeiro David Ian Jones usava o aparelho voador para pastorear […]

Geral

Gafanhotos gigantes são vistos em plantação de SC

A estiagem pode ter favorecido no aumento populacional dos insetos, motivando o seu aparecimento

Geral

Saneamento Básico o próximo grande desafio da Águas de Bombinhas

Em 2017 o contrato entre empresa e município foi alterado, dando prioridade para o abastecimento da cidade. A partir de agora, o foco prioritário é no esgotamento de Bombinhas

Geral

Unidades Básicas de Saúde de Itapema ampliam serviço de imunização para vacinas contra influenza

Neste primeiro lote a vacina é para crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes e puérperas

Mais notícias

Utilidade Pública

Procon de São José atende com agendamento prévio

A medida é necessária para evitar aglomeração de pessoas, sendo que o atendimento deve ser marcado pelo Whatsapp (48) 98477-7790

Geral

Vídeo: Bombeiro se recupera de Covid-19 e recebe homenagem de colegas ao sair do hospital

O vídeo compartilhado pelas redes oficiais da corporação é emocionante.

economia

Preços da gasolina e do diesel sofrem novo reajuste, confirma Petrobras

A última mudança nos preços dos combustíveis ocorreu no sábado passado