keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Suspeito de furtar carregador é torturado até a morte

Os homens foram agredidos supostamente pelo proprietário da empresa e dois funcionários

X
Divulgação
Siga-nos no google-news

Dois suspeitos de terem furtado um carregador de bateria de uma empresa na cidade de Araxá, no estado de Minas Gerais, foram torturados com choques elétricos. Um dos suspeitos não resistiu e morreu.

Segundo informações, os homens foram agredidos supostamente pelo proprietário da empresa e dois funcionários. Eles foram levados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) na noite da última segunda-feira (27)

Dione Rodrigues de Jesus, de 31 anos, chegou à UPA já morto. O outro, de 37 anos, estava consciente e deu sua versão à polícia. De acordo com o registro policial, ele e o rapaz que morreu foram abordados por três indivíduos em um carro e levados para um galpão, onde teriam sido torturados com choque da rede elétrica.

Os suspeitos das agressões, de 27 e  31 anos, teriam questionado os homens sobre um carregador de bateria que teria sido furtado. Depois, iniciaram os choques elétricos. Eles justificaram aos policiais militares que foram chamados pelo patrão para dar um susto nas vítimas. O dono da empresa desconfiava que a dupla torturada teria furtado o aparelho.

A Polícia Civil informou que realizou perícia no local do crime. Também disse que os dois suspeitos foram autuados em flagrante pelos crimes de tentativa de homicídio e homicídio consumado. Os homens estão no Sistema Prisional de Araxá. Já os objetos apreendidos foram levados para a perícia.

Fonte: Clicsc

Segurança

Homem invade UTI e mata paciente com cinco tiros no Rio Grande do Sul

A vítima estava internada após ter sobrevivido a uma tentativa de homicídio na madrugada de domingo (14)

Segurança

Traficante envolvido na morte de policial mantinha vida de luxo no Litoral catarinense

O alvo principal foi preso na rua 406, no Morretes, em um sítio

Segurança

PRF e PF prende português procurado pela Interpol por abuso sexual de menor

Após troca de informações entre os dois órgãos, o estrangeiro de 77 anos foi localizado

Segurança

Justiça condena homem a 28 anos de prisão por latrocínio de taxista idosa em Laguna

Mulher foi atingida por 19 golpes, 17 desses na cabeça, retirada do veículo e depois novamente agredida com paulada

Segurança

MPSC exige que construção irregular seja demolida em Porto Belo

Município vem atuando nos últimos meses para evitar as construções irregulares

Mais notícias

Segurança

Homem invade UTI e mata paciente com cinco tiros no Rio Grande do Sul

A vítima estava internada após ter sobrevivido a uma tentativa de homicídio na madrugada de domingo (14)