keyboard_backspace

Página Inicial

Tempo

Tempestade Yakecan deixa 220 mil pessoas sem luz no Rio Grande do Sul

Segundo informações, 220 mil pessoas ficaram sem luz em diversas cidades

X
Divulgação

Ventos fortes foram registrados na tarde e noite desta terça-feira (17) não só em Santa Catarina. O Rio Grande do Sul também tem registrado estragos causados pela passagem da tempestade subtropical Yakecan. O Estado foi atingido por ventos fortes, que derrubaram árvores, postes e fiações elétricas em municípios que estavam sob alerta.

Segundo informações, 220 mil pessoas ficaram sem luz nas cidades de Porto Alegre, Guaíba, Viamão, Alvorada, Charqueadas, Barra do Ribeiro, Mariana Pimentel, Eldorado do Sul, Imbé, Mostardas, Tavares, Tramandaí, Rio Grande, Santa Vitória do Palmar, Chuí, São José do Norte, Pelotas, São Lourenço do Sul, Bagé e Cerro Grande do Sul, Canoas, Gravataí, Vale dos Sinos, Planalto, Serra e Vale do Rio Pardo.

Fonte: Clicsc

Tempo

Tornado de mais de 100km/h atinge cidade catarinense

Segundo informações, os prejuízos atingem R$10 milhões. Ao menos 50 edificações em áreas rurais foram destruídas com os ventos

Tempo

Frente fria avança em SC durante a semana e traz chuva

Frente fria avança pelo estado na terça-feira (28), trazendo chuva

Tempo

Veja o momento em que tempestade de granizo chega em BC

Vídeo exclusivo do Clima ao Vivo mostra o momento em que a tempestade passa pela cidade

Tempo

Defesa Civil alerta para temporais com risco de alagamentos, enxurradas e deslizamentos em SC

Há também baixo risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de galhos de árvores e de alagamentos

Tempo

Temporal de granizo destrói telhado de hospital

Até o momento não há famílias desalojadas e, caso haja, o município conta com uma estrutura para acolhê-las

Mais notícias

Segurança

Polícia Militar de Santa Catarina recebe 140 novas viaturas

Os veículos SUV, modelo Chevrolet Tracker, serão distribuídos a 91 municípios catarinenses

Tempo

Tornado de mais de 100km/h atinge cidade catarinense

Segundo informações, os prejuízos atingem R$10 milhões. Ao menos 50 edificações em áreas rurais foram destruídas com os ventos