keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Três pessoas esperam por leitos de UTI Covid em Chapecó

A taxa de ocupação da UTI Covid do HRO é de 100%. Na Unimed, com sete pessoas internadas, a ocupação é de 50%.

X
Foto: Reprodução

Três pessoas aguardavam por um leitos de UTI Covid, nesta manhã de quarta-feira (10), em Chapecó (SC). Segundo a prefeitura, elas recebem o atendimento como se estivessem em um leito de UTI, mas em outro espaço. Outros 47 leitos estão ocupados no município – 40 pacientes estão na rede pública e sete na rede privada. Outras cinco pessoas precisaram ser transferidas para outros municípios. Os dados constam no boletim diário, divulgado na manhã desta quarta-feira, pela Administração Municipal.

Segundo a prefeitura, há 54 leitos de UTI disponibilizados, atualmente, para atender pacientes graves da Covid-19 – 40 estão habilitados no HRO e 14 na Unimed. A taxa de ocupação da UTI Covid do HRO é de 100%. Na Unimed, com sete pessoas internadas, a ocupação é de 50%.

No total, há 105 pessoas internadas no município, em decorrência da Covid-19. Na UTI do setor Covid há 42 pessoas, – 35 estão no setor UTI Covid do HRO e sete na Unimed, mas há mais cinco pacientes na UTI que não estão internados no setor Covid, conforme informou a assessoria de imprensa. Na enfermaria há ainda 51 pacientes internados – 25 estão na rede pública e 26 na rede privada.

A prefeitura destacou que além dos internados nos setor Covid, há 12 pessoas que estão internadas em outros setores – também em decorrência da doença – nove na rede pública (dos quais cinco estão em leitos de UTI) e três na rede privada. Conforme explicação da Administração Municipal, entre as 12 pessoas internada em outros setores, há casos que estão em leitos de UTI e há pacientes que estão na enfermaria.

Transferências

Conforme o boletim, nas últimas horas, cinco pessoas precisaram ser transferidas para outros municípios. No total, 85 pessoas já foram transferidas para outras regiões desde janeiro – são pessoas que precisavam de leitos de UTI ou enfermaria – conforme informou a prefeitura.

A Administração Municipal informou que os pacientes foram levados para Xanxerê, Lages, Videira, Itajaí, Maravilha, São Miguel do Oeste, Concórdia, Caçador, Joaçaba, Xaxim, Palmitos, São Carlos, São Lourenço e Navegantes.

Convênio com a rede privada

A prefeitura possui um contrato com a Unimed, para usar leitos de UTI e enfermaria. No entanto, a Administração informou que esses leitos serão usados quando não houver mais leitos disponíveis nos hospitais públicos de Santa Catarina. Ou seja, é uma medida para ser usada se houver a lotação total dos leitos na rede pública.

Fonte: ClicRDC

Segurança

Mulher que matou cachorro com chute é indiciada em Bombinhas

Embora submetido a tratamento, o animal acabou falecendo em decorrência da agressão

Segurança

Filha descobre que corpo de pai foi trocado por funerária em Itajaí

A mulher contou que estava velando o pai, quando percebeu que o caixão estava diferente do que ela havia escolhido

Segurança

Entenda como corpo de pescador que sumiu no mar do RJ chegou a praia de SC

Corpo foi encontrado na Praia Mole, em Florianópolis, a 700 km de onde desapareceu

Segurança

Homem é indiciado pela segunda vez por acessar pornografia infantil em Criciúma

A DPCAMI ainda adverte que as crianças que aparecem nas mídias não são brasileiras e o material não é produzido no Brasil.

Mais notícias

coronavirus

Áudio: Enfermeira se desespera ao ver paciente com Covid-19 saindo de mercado

Ceonara gravou um áudio e enviou aos colegas falando que questionou a paciente sobre a atitude no meio da rua