keyboard_backspace

Página Inicial

Política

Vereador de Itapema quer pagamento de ração para animais como forma de compensação ambiental

O Projeto de Lei já foi lido na Sessão e agora segue o trâmite pelas comissões legislativas

X
Divulgação

Ter um animal de estimação é algo especial, que permite uma ampla troca de afeto. Mas manter um animal em casa exige cuidados permanentes como alimentação do pet, vacinação, cuidados com a higiene do animal e também cuidados médicos. Em Itapema, o grupo das “Protetoras em Ação” está constantemente lançando campanhas nas redes sociais na tentativa de arrecadar ração para os carros que estão no abrigo ou recebendo cuidado de tutores.

Assim que percebeu esse movimento, o Vereador Léo Cordeiro (MDB), que se identifica com a causa animal, buscou uma solução. Na Sessão Legislativa de terça-feira, 10/05, ele apresentou o Projeto de Lei 58/2022, que regulamenta a doação de ração para animais domésticos (cães e gatos) como forma de compensação ambiental. Atualmente, essa compensação, nos casos que se especifica, ocorre exclusivamente por aquisição e entrega mudas de árvores nativas.

O PL proposto determina que as rações serão destinadas para tutores em situação de hipossuficiência ou organizações sem fins lucrativos cadastradas junto a FAACI, tendo como objeto a defesa da causa animal. A matéria permite que uma demanda da comunidade, no caso a necessidade de ração animal de boa qualidade, seja atendida e sinaliza um caminho para as políticas de atenção aos animais.

Como o tema é de grande relevância e a causa animal vem sendo amplamente discutida na Câmara de Vereadores, o vereador Léo Cordeiro convidou seus pares para também assinarem como coautores do Projeto de Lei. A matéria já foi lida na Sessão e agora segue o trâmite pelas comissões legislativas.

“Eu tenho acompanhado de perto as dificuldades e dores do grupo das Protetoras em Ação e fui em busca de soluções. Também sabemos que muitas famílias não conseguem manter a ração de seus pets e acabam abandonando os animais. Foi então que percebemos que é possível ampliar as formas da compensação ambiental, nos casos em que é realizada. Outros municípios, como Porto Belo, já adotaram essa prática.  Agora chegou a hora de executarmos aqui também, ainda mais que essa medida não onera os cofres públicos” – justificou Léo Cordeiro

Também assim o PL os vereadores Adriano Pivotto, Carlos Alexandre de Souza (Xepa),  Beth Rocha, Eurico Osmari, Huan Back, Jaison Simas, Jean do Dimar, João da Farmácia , Raquel Josino,  Ney da Van,  Ley Dias e Zulma Souza. 

Fonte: Clicsc

Política

Jorginho Mello faz roteiro com entrega em Navegantes e litoral Norte de SC

Jorginho conversou com apoiadores e destinou uma emenda de R$ 400 mil para auxílio a assistência social do município de Navegantes

Política

Lula deve cumprir longa agenda em Santa Catarina até o fim de maio

Ainda não há data definida para a agenda, que pode ocorrer no final de semana de 21 de maio ou na semana seguinte

Política

Combustíveis: Pacheco diz que momento é de “frustração de expectativa”

O presidente do Congresso Nacional, senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG), avaliou hoje (12) que o momento “é de frustração de expectativas” em relação ao preço dos combustíveis no país. “Nós tínhamos expectativas no Brasil de uma […]

Política

Governador de SC apresenta modelo catarinense de segurança pública para o vice-presidente Mourão

Desde a instalação do Colegiado Superior, os índices de criminalidade violenta estão em queda contínua em Santa Catarina

Mais notícias

Geral

Ministério Público Federal investiga prazo de entrega do Contorno Viário de Florianópolis

O MPF pediu à Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT) que apresente os percentuais de conclusão das obras em sete de janeiro de 2021 e em 20 de fevereiro de 2020, destacando eventuais alterações no cronograma de conclusão

Geral

Aumenta cobrança pela conclusão das obras do Contorno de Florianópolis

Senadores, deputados e Vereadores querem o cumprimento do prazo de dezembro de 2023