keyboard_backspace

Página Inicial

coronavirus

Estado discute abertura de novos leitos clínicos e de UTI na região da Amfri

Também foi discutida a possibilidade de abrir cinco leitos imediatos de UTI em Balneário Camboriú

X
Foto: Fabrício Escandiuzzi / SES

A possibilidade de abertura de 50 novos leitos clínicos e de UTI em cidades da Foz do Rio Itajaí foi o destaque da reunião entre Governo do Estado e prefeitos na manhã desta terça-feira, 2, em Balneário Camboriú. O chefe da Casa Civil, Eron Giordani, foi recebido pelo prefeito Fabrício Oliveira para discutir as ações de enfrentamento à Covid-19 na região.

“Já saímos da reunião com a garantia de pactuação de 25 leitos de retaguarda em Penha. O Governo do Estado está atuando em todas as frentes para dar celeridade ao atendimento aos pacientes de Covid”, afirmou o chefe da Casa Civil. Com a definição, cinco novos leitos somam-se aos 20 já existentes no Hospital Nossa Senhora da Penha. O secretário ainda solicitou informações dos prefeitos a respeito da capacidade de criação de novos leitos nos demais hospitais.

Também foi discutida a possibilidade de abrir cinco leitos imediatos de UTI em Balneário Camboriú, além de novas estruturas em outros hospitais da região. 

“Foi uma reunião em que conseguimos planejar, com os prefeitos e com o secretário Eron, a criação de 35 novos leitos de retaguarda e 15 de UTI. Os novos leitos de UTI serão 5 no Centro Municipal de Tratamento de Covid aqui de Balneário Camboriú, e 10 no Hospital Marieta. Os novos leitos de retaguarda serão 20 em Luiz Alves, 10 em Camboriú e 5 no hospital da Penha”, explicou Fabrício Oliveira.

O passo seguinte é o levantamento, por parte das prefeituras, de equipamentos, insumos e contratação de pessoal necessários. Também participaram do encontro, os prefeitos de Penha, Aquiles da Costa; de Porto Belo, Emerson Stein; de Luiz Alves, Marcos Pedro Veber; além do vice-prefeito de Itapema, João Luís Emmel, secretários de Saúde e diretores de hospitais. O prefeito de Porto Belo e presidente da Amfri, Emerson Stein, conduziu o encontro.

“A ideia é utilizar os leitos de hospitais menores, existentes aqui na nossa região, como leitos de retaguarda para atender aqueles que ainda não precisam de UTI’s e abrir novos leitos de UTI em hospitais maiores. Acreditamos que unidos conseguimos suprir uma boa parte das nossas necessidades”, reforça o presidente da Amfri e prefeito de Porto Belo, Emerson Stein.

Outra cidade que deve contribuir com o atendimento é Tijucas. “Mesmo não participando presencialmente da reunião nem fazendo parte da Amfri, o prefeito de Tijucas tem auxiliado na mediação de 15 novos leitos na cidade e que também servirão para atender as demandas do Hospital Marieta Konder”, afirmou Eron Giordani.

Fonte: Clicsc

coronavirus

SC receberá mais de R$ 20 milhões para Centros de Atendimento Covid

Os recursos destinados para os 99 municípios serão para as competências financeiras de abril a junho.

coronavirus

SC confirma 45 novos casos da variante brasileira e dois casos novos casos da variante do Reino Unido

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE/SC) reforça que os cuidados de prevenção à Covid-19 devem ser adotados por toda população catarinense para redução da transmissão do coronavírus.

coronavirus

Santa Catarina ultrapassa 12 mil mortes por coronavírus

Casos de infecção pelo novo coronavírus já foram confirmados em todos os 295 municípios de Santa Catarina.

coronavirus

Coronavírus em SC: Matriz de Risco aponta quatro regiões em estado grave e 12 em nível gravíssimo

No último boletim, divulgado em 03 de abril, apenas a região de Xanxerê encontrava-se no nível grave, as demais estavam em estado gravíssimo

coronavirus

Integrantes das forças policiais começam a ser vacinados nesta sexta-feira em Florianópolis

Os profissionais que serão imunizados já receberam contato prévio sobre a data, local e horário da aplicação da dose.

Mais notícias

Utilidade Pública

Procon de São José atende com agendamento prévio

A medida é necessária para evitar aglomeração de pessoas, sendo que o atendimento deve ser marcado pelo Whatsapp (48) 98477-7790

economia

Consumo de gás natural em Santa Catarina cresceu 8,5% em março

Entre os setores que utilizam gás natural, o destaque no consumo foi a indústria

Cidades

Audiência Pública discute LDO e PPA em Porto Belo

A Lei de Diretrizes Orçamentárias, - LDO, estabelece as metas e prioridades da Administração Pública para o exercício financeiro seguinte, orientando a elaboração e execução do Orçamento