keyboard_backspace

Página Inicial

Economia

Exportações de carne de frango no primeiro trimestre de 2022 aumentam 28% em SC

Os números são divulgados pelo Ministério da Economia e analisados pelo Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Epagri/Cepa)

X
DIvulgação

Segundo maior produtor nacional de carne de frango, Santa Catarina inicia 2022 com crescimento nas exportações. No primeiro trimestre, o estado embarcou 247 mil toneladas do produto, gerando um faturamento que passa de US$ 471,9 milhões – um aumento de 28% em relação ao mesmo período do ano anterior. Os números são divulgados pelo Ministério da Economia e analisados pelo Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Epagri/Cepa).

“O Governo do Estado recebe com muita alegria o resultado das exportações de carne de frango no primeiro trimestre. Isso demonstra a força e a pujança do nosso setor agropecuário, com milhares de famílias envolvidas e empregos gerados. O agronegócio representa quase 70% das exportações catarinenses e 30% do nosso PIB. É importante destacar que esse resultado é alicerçado no trabalho árduo dos produtores e agroindústrias e na segurança sanitária que Estado provém, por meio dos controles desenvolvidos pela Cidasc”, destaca o secretário de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, Ricardo Miotto.

De janeiro a março de 2022, Santa Catarina respondeu por 23,6% do faturamento brasileiro com as exportações de carne de frango. Nesse período, a maioria dos principais destinos ampliou suas compras, com destaque para a Holanda (43,2%), Emirados Árabes Unidos (40,7%) e México (707,7%). O maior parceiro comercial dos catarinenses é o Japão, com 34,1 mil toneladas adquiridas e uma receita de US$ 67,2 milhões.

Desempenho em março

No último mês, o agronegócio de Santa Catarina exportou 88,8 mil toneladas de carne de frango, com um faturamento de US$ 172,4 milhões. Os números representam uma alta de, respectivamente, 18% e 21,5% em comparação a fevereiro.

Avicultura em Santa Catarina

A carne de frango é o principal produto da pauta de exportações de Santa Catarina. O estado conta com aproximadamente seis mil avicultores dedicados à produção de aves de corte, concentrados nas regiões Oeste e Meio Oeste.

Santa Catarina possui um status sanitário diferenciado, que abre as portas para os mercados mais exigentes do mundo. A Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), em parceria com a iniciativa privada e os produtores, mantém um rígido controle das fronteiras e do rebanho catarinense.

Fonte: Clicsc

Economia

Governo repassa R$ 7,7 bilhões do pré-sal para estados e municípios

O governo federal, por meio do Banco do Brasil, vai repassar R$ 7,7 bilhões para todos os estados, para o Distrito Federal e 5.569 municípios do valor relativo à arrecadação dos bônus de assinatura do leilão dos […]

Economia

Negócios: Estado é apresentado para 30 países no SC Day

Evento foi realizado na Embaixada de Portugal, em Brasília

Economia

Governo do Estado lança Programa Qualifica SC que capacitará 5 mil trabalhadores para o mercado formal

Com o programa, serão realizados cursos de capacitação para pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade de baixa renda

Economia

Onda de calor na Índia poderá deixar o pão e macarrão mais caros em SC

Valor do produto no mercado internacional deve aumentar, depois que o país bloqueou as exportações

Economia

Bolsonaro zera impostos de diversos produtor importados; veja a lista

O presidente Jair Bolsonaro comentou sobre a decisão em seu Twitter

Mais notícias

Geral

Medidas de valorização do serviço público são anunciadas pela prefeitura de São José

Prefeitura anunciou durante esse mês de maio uma série de ganhos para a categoria

Geral

Mais 784 veículos da BMW chegam no Porto de Itajaí

O navio transportou, ao todo, 784 veículos das marcas BMW e MINI, importadas pelo BMW Group Brasil