keyboard_backspace

Página Inicial

coronavirus

Homem acorda de coma após escutar música de bailão em hospital de SC

Após escutar música de bailão que adora junto com mensagem da família, paciente acordou do coma

X

Foi escutando a música que mais gosta, bailão, que Lourival João Jorge, de 69 anos, que estava internado na UTI do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt, em Joinville, acordou do coma. Após contrair a Covid-19, ano passado, ele saiu da intubação e sedação, mas continuava sem acordar, deixando a equipe médica e família apreensivos. Foram dez dias nessa situação até que os familiares resolveram buscar alternativas para ajudar ele a acordar.

Como Lourival é responsável há 40 anos por promover o Bailão do Lourinho, festa que atrai centenas de pessoas apaixonadas por bailes, então a opção foi fazer ele escutar músicas para estimular que o paciente reagisse.  O problema é que as pessoas internadas na UTI não poderiam receber visitas e os planos acabaram indo por água abaixo.

“A gente estava perdendo ele pouco a pouco. Sentíamos a necessidade de fazer algo para ele acordar porque achávamos que ele estava se entregando, que não ia mais acordar e que a gente ia receber um telefonema de que ele tinha morrido”, lembra a enteada Michelle Antunes que relatou a situação para o ND+. Motivada a buscar uma alternativa para acordar Lourinho, ela começou a pesquisar tratamentos que já haviam sido usados por outros pacientes e, nessa pesquisa, descobriu que o próprio hospital tinha um programa que usava música para animar os pacientes, porém, apenas para pessoas acordadas.

“Comprei briga com o hospital porque queria que isso fosse usado com ele também. E numa dessas tentativas, eles cederam a oportunidade de colocar um áudio pra ele”, conta Michelle. Uma pessoa do projeto ligou para ela e pediu para que enviasse uma mensagem em 15 minutos. Rapidamente, Michelle mobilizou a mãe e, juntas, as duas gravaram um áudio para acordar Lourinho.

 Na mensagem, Helena Antunes, esposa de Lourinho, o convida para tomar café com banana frita, uma refeição que ele adora. Por fim, mãe e filha ainda incluíram a música “Meu amor é você”, da dupla joinvilense Junio e Julio, que marca a vida do casal. “É uma música muito especial porque toda última segunda do mês a gente tinha um jantar, a gente se unia e ele sempre cantava”, conta Helena.

A enteada preparou um áudio ainda mais especial para ajudar Lourinho a acordar de vez. Juntou mensagens da esposa, amigos, filhos e, no fim, uma música cantada pela neta de Luana, de 11 anos, que o avô adora. O resultado foi ainda melhor.

“Colocaram os áudios no ouvido dele e ele abria olho, tinha uma reação. Na hora que colocaram a música dela, ele abriu o olho ainda mais forte e tentou se erguer. Começou a falar que era a neta e, nesse momento, os médicos caíram em lágrimas porque não acreditaram”, comemora a enteada. Junio e Julio, por sua vez, comemoram a recuperação do amigo. “Foi uma satisfação saber que ele acordou com a música da dupla. A nossa música está ajudando as pessoas até a acordar, é uma coisa maravilhosa a gente poder ajudar um pouquinho nessa recuperação”, fala Junio.

coronavirus

Covid-19: “Tenho medo de pegar isso e morrer”, disse Paulo Gustavo há um ano

Boletim médico divulgado nesta quinta-feira diz que o ator segue em estado grave

coronavirus

Procon de SC notifica planos de saúde e laboratórios para autorização imediata dos testes de Covid-19

Os planos de saúde também são obrigados a cobrir os testes sorológicos, ou seja, aqueles que detectam a presença de anticorpos produzidos pelo organismo após exposição ao vírus.

coronavirus

34% dos pacientes que tiveram Covid-19 apresentam distúrbio neurológico ou psiquiátrico

Mais de 200 mil prontuários médicos foram avaliados na pesquisa publicada na revista científica The Lancet Psychiatry

coronavirus

Mais de 20 mil pessoas foram vacinadas contra a Covid-19 em BC

Os idosos acamados devem solicitar agendamento para que a imunização seja feita em domicílio, por meio das equipes de Estratégia de Saúde da Família (ESF), através do telefone (47) 3267-7049

coronavirus

Mais de 45 mil pessoas não tomaram a segunda dose da vacina no intervalo recomendado em SC

É fundamental que as pessoas que já receberam a primeira dose estejam atentas a data agendada para o recebimento da segunda dose.

Mais notícias

Utilidade Pública

Procon de São José atende com agendamento prévio

A medida é necessária para evitar aglomeração de pessoas, sendo que o atendimento deve ser marcado pelo Whatsapp (48) 98477-7790

Geral

Veja o vídeo: Ovelha esquentadinha destrói drone que tentava pastorear rebanho

Uma ovelha um tanto esquentada e valentona acabou com o expediente de um drone pastor em uma fazenda do País de Gales, Reino Unido. O fazendeiro David Ian Jones usava o aparelho voador para pastorear […]

Cidades

Polícia Investiga frigorífico que usava carne vencida em embutidos na Grande Florianópolis

A Polícia Civil de Biguaçu, na Grande Florianópolis, abriu inquérito para investigar um frigorífico que utilizava carnes vencidas em alimentos processados. O estabelecimento foi fiscalizado e autuado pela Vigilância Sanitária da cidade em uma ação […]