keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia conclui inquérito da morte de petista e afirma que não houve crime político

O inquérito será encaminhado para o MPPR (Ministério Público do Paraná)

X
Arquivo Pessoal
Siga-nos no google-news

A Polícia Civil concluiu o inquérito que investigava o assassinado de Marcelo Arruda, dirigente do Partido dos Trabalhadores (PT), que foi morto na própria festa de aniversário no último final de semana em Foz do Iguaçu.

Os investigadores ouviram 17 pessoas, entre testemunhas e familiares de Marcelo e do suspeito do crime, um policial penal. A polícia paranaense também analisou imagens de câmeras de segurança, além de diligências complementares.

Nesta sexta-feira (15), a Polícia Civil divulgou que a motivação política foi descartada no crime. A delega-chefe da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa, Camila Cecconello, afirmuo que “é difícil falarmos de um crime de ódio, que ele matou pelo fato da vítima ser petista”.

O policial penal Jorge José da Rocha Guaranho foi indiciado por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e perigo comum. Ainda segundo a delegada, não há provas que Guaranho voltou para a festa e matou Arruda pelo fato da vítima ser petista.

O inquérito será encaminhado para o MPPR (Ministério Público do Paraná).

Fonte: Clicsc

Segurança

Coroinha é esfaqueado durante missa

O suspeito entra na fila junto com os coroinhas e em determinado momento esfaqueia um deles

Segurança

Motorista desvia de ciclista, perde controle e carro cai no rio em Balneário Camboriú

Ela conduzia um Chevrolet /Celta quando foi desviar de um ciclista e foi parar dentro do rio

Segurança

Justiça condena escola que chamou PM em vez do Conselho Tutelar para revistar aluno

Com suspeitas de que o adolescente portava droga, a coordenação da escola determinou sua retirada da sala de aula

Segurança

Hospital faz campanha para arrecadar itens para recém-nascido deixado em frente à casa em Porto União

Bebê está pesando 3.855 kg e mede 49 centímetros e as equipes do hospital buscam doações

Segurança

Marido bêbado agride esposa, quebra objetos dentro de casa e acaba preso em Itajaí

Segundo informações, o homem chegou bêbado em casa e começou a discutir e na sequência bater na vítima de 46 anos

Mais notícias

Brasil

STF vota nesta quarta-feira reajuste de salários de ministros e juízes

Último aumento de salário dos ministros do Supremo ocorreu em 2018, com percentual de reajuste de 16,38%