keyboard_backspace

Página Inicial

Coluna Pelo Estado

Rota Caminhos do Mar deve impulsionar turismo no Sul de SC

Leia na Coluna Pelo Estado de hoje

X
Divulgação
Siga-nos no google-news

A pavimentação asfáltica da Rota Caminhos do Mar começa a se tornar realidade, após décadas de espera, como modelo estratégico para o desenvolvimento turístico e econômico do Sul de Santa Catarina. Os primeiros trechos das obras serão realizados nas divisas de Balneário Gaivota com Passo de Torres e Balneário Arroio do Silva e no acesso da BR-101 a Passo de Torres. Os convênios para os repasses dos recursos, que juntos somam R$ 59,2 milhões, foram assinados pelo governador Carlos Moisés. A primeira parte da pavimentação da Rota Caminhos do Mar, antes chamada de Interpraias, compreende um trecho de 23 quilômetros em Balneário Gaivota, que faz limite com Passo de Torres, ao Sul, e com Balneário Arroio do Silva, ao Norte. O investimento será de R$ 41,2 milhões. A segunda é o acesso da rodovia BR-101 a Passo de Torres, em uma extensão de oito quilômetros, com recursos de R$ 17,9 milhões. Ambas contarão com ciclofaixas nos trechos norte e sul, além de outras melhorias. O secretário de Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, explica que a rota será executada trecho por trecho, todos em parceria com os municípios da região. “Durante muito tempo se sonhou com a Rota Caminhos do Mar. Uma obra que vai integrar os locais, vai fomentar o turismo e proteger as pessoas. Estamos muito felizes em estar aqui e repassar os recursos. Este é apenas o começo”, afirmou Vieira. A rodovia terá aproximadamente 140 quilômetros e passará por Balneário Gaivota, Balneário Arroio do Silva, Passo de Torres, Araranguá, Balneário Rincão, Jaguaruna e Laguna. Também foi anunciada a entrega de uma escavadeira anfíbia para a limpeza das lagoas de Balneário Gaivota, com recursos de R$ 1,5 milhão, do Programa SC Mais Pesca, do Governo do Estado. O equipamento possui grande eficiência em roçar, recortar, rebocar, colher e remover ilhas de vegetações aquáticas, tanto as flutuantes soltas como as emaranhadas entre si e ancoradas.

SCGÁS

A SCGÁS publicou o Edital da Chamada Pública 001/22 para contratar Suprimento de Gás Natural para atender à rede estruturante que será instalada nos municípios de Canoinhas, Três Barras e Mafra, no Planalto Norte Catarinense. A implantação da rede estruturante na região irá atender, principalmente, indústrias do segmento de papel e celulose, com investimentos de cerca de R$ 12 milhões. A previsão é iniciar as obras de implantação dos gasodutos ainda em 2022, com previsão de início de fornecimento de gás aos clientes no segundo semestre de 2023. O edital pode ser acessado pelo link: https://www.scgas.com.br/scgas/site/portal-de-suprimento-de-gas/redes-estruturantes. As propostas devem ser enviadas até o dia 26/05/2022.

Sopelsa

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Moacir Sopelsa (MDB), foi agraciado com o título honorífico “Amigo da Polícia Militar de SC”. A entrega da medalha aconteceu durante a solenidade de formatura e promoção de 157 praças e 23 oficiais, na Academia de Polícia Militar da Trindade, em Florianópolis, na manhã desta quinta-feira (5). De acordo com o comandante-geral da PM, coronel Marcelo Pontes, o título é um reconhecimento aos serviços prestados que contribuíram para o engrandecimento moral ou material da instituição.

Biguaçu

O deputado federal Hélio Costa esteve nesta sexta-feira (06) na Prefeitura de Biguaçu para entregar mais uma emenda ao município. Desta vez, da ordem de R$ 250 mil e destinada para a estruturação do Sistema Único de Assistência Social. Os recursos já estão no caixa municipal. O parlamentar foi recebido pelo Prefeito Salmir da Silva e pelos colegas de partido: Elson João da Silva (presidente PSD de Biguaçu), Claudemir Aires (vereador Chapecó) e Ermes de Azevedo, o Minho (secretário do PSD de Biguaçu).

Suinocultores

Os suinocultores catarinenses contarão com o apoio para minimizar os prejuízos causados pela alta nos custos de produção. A Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural criou uma linha de crédito emergencial com R$ 10 milhões em recursos para subvencionar os juros de financiamentos dos produtores não integrados. O secretário Ricardo Miotto reuniu mais de 100 secretários municipais da área e técnicos da Epagri para tratar da operacionalização dos repasses.

Mobilidade elétrica

Santa Catarina segue avançando na construção de um projeto pioneiro de fomento e consolidação da mobilidade elétrica. Representantes da indústria e do Governo do Estado que integram um Grupo de Trabalho (GT) apresentaram ao governador Carlos Moisés ações que serão o marco inicial tanto para o incentivo ao uso, quanto para a atração de investimentos na linha dos carros elétricos no Estado. Carlos Moisés lembra que este foi um dos compromissos de Santa Catarina reforçados durante a Conferência do Clima, a COP 26, em Glasgow.

Fonte: Clicsc