keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Suspeito de latrocínio é preso em SC

A Polícia Civil, através de policiais civis de Morro da Fumaça, Urussanga, DIC e Central Regional de Plantão Policial de Criciúma realizaram as investigações

X
Divulgação

Está preso um homem suspeito de um latrocínio ocorrido na noite de segunda-feira (26), em Morro da Fumaça, Sul do Estado. A prisão foi no bairro Jardim União, em Criciúma. A Polícia Civil foi acionada do crime por volta das 22h30min. Três homens, tripulando um Clio, da cor branca, abordaram a vítima, que tripulava um Jetta, da cor branca.

A vítima teria entrado no veículo com medo, quando foi alvejada por um disparo de arma de fogo, andando alguns metros com o automóvel e batendo em uma casa na sequência. O crime ocorreu na Rua Pedro Bertan, no Centro de Morro da Fumaça.

Os criminosos fugiram do local. A Polícia Civil, através de policiais civis de Morro da Fumaça, Urussanga, DIC e Central Regional de Plantão Policial de Criciúma realizaram as investigações. Segundo a Divisão de Investigação Criminal de Criciúma, três homens estariam praticando roubos um veículo Clio da cor branca. Uma vítima de um roubo havia reconhecido os suspeitos e indicou que eles o teriam assaltado usando o mesmo veículo.

Passado algum tempo, houve o conhecimento que a esposa de um dos suspeitos acionou a Polícia Militar dizendo que teria sido vítima de um sequestro relâmpago, ficando das 19h às 23h no porta-malas do carro, quando foi liberada.

Então, a Polícia Civil, em ação conjunta com a Polícia Militar, constatou diversas contradições nas declarações dela, tendo ela sequer ligado para o companheiro depois do crime, tendo dito que saiu de casa para ir comprar um x-salada em uma lanchonete. Foi realizado o trajeto dela, sendo que no local onde teria ocorrido o sequestro relâmpago havia uma câmera do sistema Bem-Te-Vi e foi constatado que ela não esteve no local.

Diante da situação, descobriu-se onde estava o suspeito. A Polícia Civil foi ao local e efetuou a sua prisão. Todos os objetos, inclusive bolsa, documentos, cartões e dinheiro da suposta sequestrada estavam na casa, fato que comprovou que o suposto sequestro era falso. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao casal. Eles foram conduzidos à CRPP para lavratura do procedimento cabível.

No local, o suspeito indicou onde estava o veículo Clio, afirmando também onde dispensou o seu telefone celular. O suspeito foi autuado por participação em latrocínio consumado. A partir de agora serão continuadas as diligências investigativas para a identificação dos demais suspeitos.

Fonte: Clicsc

Segurança

Polícia resgata mãe e filha que foram mantidas em cárcere privado no Vale do Itajaí

O homem estaria embriagado quando chegou na casa. Depois de uma discussão ele ameaçou a vítima e saiu, trancando mãe e filha no apartamento.

Segurança

Jovens que morreram em acidente na BR-470 tinham entre 16 e 22 anos

Um Santana tentou fazer uma ultrapassagem na rodovia quando bateu de frente com um caminhão da transportadora Translovato.

Segurança

Grupo de Operações e Resgate encerra evento com Farra do Boi em Itapema

Cerca de 50 pessoas estavam no evento. Todas conseguiram fugir com a chegada dos oficiais.

Segurança

Familiares acusam dono de creche de abusar sexualmente de crianças e pedem por justiça

Os relatos, todos muito semelhantes, foram reunidos e colados na parede da creche onde os pequenos eram levados e que, depois da primeira denúncia, fechou as portas imediatamente sem levantar suspeitas do que poderia ser.

Segurança

Padre morre em acidente durante evento de Gaiola Cross no Vale do Itajaí

Corpo de Bombeiros, Samu e Instituto Médico Legal foram acionados para a ocorrência. Quando os socorridas chegaram, o padre já estava morto.

Mais notícias

Segurança

Polícia resgata mãe e filha que foram mantidas em cárcere privado no Vale do Itajaí

O homem estaria embriagado quando chegou na casa. Depois de uma discussão ele ameaçou a vítima e saiu, trancando mãe e filha no apartamento.

Segurança

Jovens que morreram em acidente na BR-470 tinham entre 16 e 22 anos

Um Santana tentou fazer uma ultrapassagem na rodovia quando bateu de frente com um caminhão da transportadora Translovato.