keyboard_backspace

Página Inicial

Economia

Abertura do mercado livre para o Grupo B pode gerar economia de R$ 35 bi

Pesquisa revela que famílias e pequenas empresas podem se beneficiar da abertura do mercado para rede de baixa tensão

X
Famílias e pequenos negócios rurais, representantes do Grupo B, seriam beneficiados com abertura do mercado livre de energia para consumidores da rede de baixa tensão – Foto: Freepik
Siga-nos no google-news

O cenário energético brasileiro está mudando. Desde janeiro de 2024, quando a  Portaria Nº 50 do Ministério de Minas e Energia, emitida em 2022, concedeu o direito de escolher o fornecedor de energia elétrica a todos os consumidores do Grupo A, somente no primeiro mês mais de 2.400 consumidores conectados à rede de alta tensão já realizaram a migração para o Mercado Livre de Energia, ambiente de negociação onde é possível comprar energia elétrica diretamente com o fornecedor. No entanto, essa oportunidade ainda não se estendeu aos consumidores do Grupo B, composto majoritariamente por famílias das classes B, C e D, além de pequenos negócios rurais, comerciais e industriais.

Sandro Bittencourt de Souza, CEO da Vektor Energia, empresa de Joinville (SC) com escritório em São Paulo (SP) especialista na comercialização e gestão de energia no mercado livre, destaca a importância da abertura do mercado livre como política pública fundamental para a democratização da energia elétrica. O especialista afirma que empresas que optarem por migrar para o mercado livre de energia podem obter economia substancial em suas faturas, variando de 15% a 40%.

“Para a maioria das famílias brasileiras a conta de luz é uma das maiores despesas; logo, a abertura do mercado livre de energia para consumidores conectados à rede de baixa tensão tem o potencial de gerar uma economia significativa para essas famílias que compõem o chamado Grupo B”, ressalta. “Além disso, possibilita a compra de energia de fontes renováveis e não poluentes, contribuindo para a sustentabilidade ambiental do país”, complementa Sandro.

Sandro Bittencourt de Souza – Foto: Divulgação

Em 2022, uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) revelou que a abertura do mercado livre para o Grupo B poderia gerar uma economia média de 19% na conta de luz dos consumidores. Isso representa um potencial de economia de R$ 35,8 bilhões por ano em comparação ao que esses consumidores pagam no mercado regulado.

No entanto, até que essa oportunidade seja estendida aos consumidores do Grupo B, muitos permanecem excluídos sem o auxílio de políticas públicas que reduzam o valor da conta de luz. São famílias e pequenos negócios rurais, comerciais e industriais que representam 90% das empresas brasileiras, que continuam aguardando por uma mudança que poderia aliviar significativamente seus custos operacionais.

“A abertura do mercado livre de energia para o Grupo B não apenas beneficiaria os consumidores individualmente, mas também promoveria a competição no setor, incentivando a eficiência e a inovação entre os fornecedores de energia, o que levaria à redução das desigualdades no acesso à energia elétrica em nosso país”, destaca o CEO da Vektor Energia.

Fonte: Clicsc

Sobre o autor:
Davi
Davi Paes e Lima
Davi Paes e Lima é jornalista profissional (2874 - SC) desde 2006. É especialista em Comunicação Empresarial e atua na área de Assessoria de Comunicação há 20 anos, desde 2003 - além de ter passagens por veículos especializados. Desde 2020 está à frente da Paes e Lima Comunicação, agência boutique com base em Florianópolis. Atualmente também atua como co-host do podcast "Jogando para a Plateia" e no associativismo é diretor de eventos da Associação Catarinense de Imprensa (2023/2026). Colabora com notícias corporativas para o portal ClicSC desde 2022.
Economia

Câmara aprova ‘taxa das blusinhas’ para compras internacionais

A medida institui uma taxação de 20% sobre compras de até US$ 50

Economia

Varejista catarinense inaugura nova loja em SC

A varejista também está promovendo a "Semana do Imposto Zero", com produtos selecionados em toda a rede, oferecendo descontos de até 38%

Economia

Passeio Sapiens é inaugurado como um importante complexo multiúso em Florianópolis

Empreendimento no Norte da Ilha abriu ao público em geral nesta quarta-feira, dia 5 de junho, integrando operações de negócios, gastronomia e lazer ao parque de inovação da cidade

Economia, Negócios

CEO da Vektor Energia participa de evento sobre transição energética em Cuiabá

Sandro Bittencourt de Souza destacou a contribuição do mercado livre de energia para a transição energética no Brasil durante o XII Seminário de Energia e Transição Energética, organizado pelo Sindenergia-MT

Economia

Grupo Koch inaugura nova loja em Bombinhas

Novo Komprão oferece estrutura moderna e descontos especiais para clientes

Mais notícias

Geral

Multinacional sul-coreana é anunciada como patrocinadora master do O Negócio da Moda (ONDM) em Balneário Camboriú

Hyosung Creora participará pela primeira vez do evento que será realizado nos dias 22, 23 e 24 de outubro, no Expocentro, em Balneário Camboriú (SC); edição recente ocorrida em Goiânia movimentou cerca de 5 mil pessoas 

Segurança

Falta de mão de obra na construção civil preocupa mercado imobiliário

Projeções indicam que o Brasil pode enfrentar um apagão de profissionais em uma década