keyboard_backspace

Página Inicial

Utilidade Pública

Receita Federal libera programa gerador do IR 2023 nesta quinta

Originalmente, a liberação do programa estava prevista para 15 de março, primeiro dia de entrega da declaração, mas foi antecipada

X
Siga-nos no google-news

Com uma semana de antecedência em relação ao previsto, a Receita Federal libera nesta quinta-feira (9) o programa gerador da declaração deste ano (ano-base 2022). Originalmente, a liberação do programa estava prevista para 15 de março, primeiro dia de entrega da declaração, mas foi antecipada para que o contribuinte tenha mais tempo de se organizar.

O programa gerador poderá ser baixado no site da Receita Federal, pelo Centro Virtual de Atendimento a Contribuintes (e-CAC), ou pelo aplicativo Meu Imposto de Renda, disponível para tablets e celulares dos sistemas Android e iOS.

O prazo de entrega da declaração não foi alterado e continuará de 15 de março a 31 de maio. O que mudará é que o contribuinte poderá adiantar-se e deixar a declaração salva, dias antes de transmitir à Receita.

Em nota, a Receita explicou que a antecipação do programa gerador também ajudará a evitar congestionamentos que costumam ocorrer no primeiro dia de entrega da declaração, quando todo mundo baixa o programa ao mesmo tempo.

“A antecipação do PGD [programa gerador da declaração] ajuda o contribuinte que, ao ter acesso às informações necessárias para a entrega da declaração, pode se organizar e juntar a documentação que for necessária. Além disso, deve evitar possíveis congestionamentos”, explicou o Fisco no comunicado.

O envio da declaração pré-preenchida, esclarece a Receita, continuará previsto para a data original, 15 de março. Segundo a Receita, somente nessa data, o Fisco conseguirá reunir as informações das declarações de rendimentos enviadas no fim de fevereiro por empregadores, instituições financeiras e planos de saúde e cruzá-las com a base de dados da Receita.

Novidades

As regras de Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2023 foram anunciadas no último dia 27. Entre as novidades, estão a prioridade no recebimento da restituição de quem optar por receber via Pix, desde que a chave seja o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) do cidadão, e de quem usar o modelo pré-preenchido.

Outra novidade ocorre para quem tem investimentos na bolsa de valores. Agora, a declaração só é obrigatória para o investidor que tenha vendido ações cuja soma superou, no total, R$ 40 mil ou se ele obteve lucro com a venda de ações em 2022, sujeito à cobrança do IR. Anteriormente, qualquer contribuinte que tivesse comprado ou vendido ações no ano anterior tinha que declarar, independentemente do valor.

Fonte: Clicsc

Sobre o autor:
Redação
Redação ClicSC
Clicsc é um portal com notícias e reportagens sobre o dia a dia de Santa Catarina fundado em 2017.
Utilidade Pública

Desconto de 20% no IPTU de Itapema acaba nesta semana

A medida incentiva a regularidade fiscal e oferece um benefício adicional aos contribuintes que mantêm seus tributos municipais em dia

Utilidade Pública

Dona de Ferry Boat se recusa à cumprir a lei do pix sancionada em SC

A legislação foi publicada no Diário Oficial na última quarta-feira, (31)

Utilidade Pública

Uber recebe notificação do Procon de Florianópolis devido à recusa de motoristas em ativar ar-condicionado

Segundo o Procon, a Uber destaca o ar-condicionado como requisito mínimo para veículos de transporte de passageiros, o que poderia configurar uma violação na prestação do serviço

Utilidade Pública

IPVA 2024: vencimentos começam nesta semana em Santa Catarina

Os prazos são determinados pelo final da placa de cada veículo

Mais notícias

Saúde

Santa Catarina decreta situação de emergência por conta do aumento de casos de dengue

A governadora em exercício, Marilisa Boehm, assinou um Decreto Emergencial Epidemiológico

Segurança

Jovem português procurado pela Interpol é preso em SC

O homem agora aguarda no sistema prisional, onde ficará detido até que o processo de extradição para Portugal seja finalizado